Ilustração - Blog Franchise Store

Tip Top participa da ABF Franchising Expo com dois modelos de negócios robustos

A Tip Top participa pela sétima vez da ABF Franchising Expo, que acontece entre os dias 15 a 18 de junho, em São Paulo. A rede marca presença no evento com seus dois modelos de negócios caminhando contra a retração: a loja tradicional com investimento de R$ 420 mil e a Mega Store a partir de R$ 1 milhão.

A rede vem ganhando cada vez mais espaço no mercado infantil e almeja a liderança do setor. “Investir na Tip Top é uma opção lucrativa, por estarmos inseridos em um mercado que só cresce, o infantil. Os pais estão sempre em busca de novidades e inovações para proporcionar qualidade e o melhor para seus filhos. Conseguimos atender com excelência, construindo uma relação de confiança com o cliente, o acompanhando desde a gestação até os 10 anos de idade. Além disso, o empreendedor conta com toda a segurança de trabalhar com uma marca tradicional, testada no mercado por 64 anos”, diz Ricardo Marcondes, gerente de expansão da rede.

Com a desvalorização do real, uma alternativa para fugir da retração econômica, é expandir seus negócios para o exterior. Os planos da Tip Top, incluem a primeira franquia internacional em um país da América do Sul. “Já temos força no mercado nacional e acreditamos que seja o momento ideal para negócios fora do país, visto que já temos unidades espalhadas por todo o Brasil”, acrescenta Marcondes.

Participando da 25ª edição da ABF Franchising Expo, a Tip Top espera obter após o evento, cinco negócios que devem compor o incremento de 7% no faturamento até o final do ano.

Investindo em ações no ponto de venda e intensificando os treinamentos constantes com as equipes de vendas, a Tip Top encerrou 2015 com um faturamento de R$ 116 milhões e 106 lojas pelo país.

Ficha Técnica Tip Top

Descrição do negócio – Franquia de vestuário e acessórios infantis

Ano de fundação: 1952

Taxa de franquia (R$): de 50 mil (loja tradicional) a 65 mil (Mega Store).

Royalties: 30% sobre as compras de vestuário e 4% a 6% sobre o faturamento bruto dos itens de puericultura.

Taxa de propaganda: 4% sobre compras ou 1,5% sobre o faturamento bruto da loja (no caso da Mega Store).

Área para instalação (m²): 40 (loja tradicional) a 250 (Mega Store).

Previsão de retorno: 36 a 40 meses.

Estimativa de Faturamento: R$ 85 mil (loja tradicional) a R$ 250 mil (Mega Store).

Média de funcionários: de 5 (loja tradicional) a 12 (Mega Store).

Investimento total: R$ 420 mil (loja tradicional) a 1,5 milhões (Mega Store).

Sobre a Tip Top

Fundada em 1952, em São Paulo, a Tip Top, referência nacional em vestuário infantil, com foco em roupa para bebês, está no mercado há mais de 60 anos. Após conquistar a excelência na fabricação dos produtos, atingir grande escala de produção e amplo reconhecimento e liderança no mercado infantil, a Tip Top iniciou em 2005 o estudo para implantação de uma rede nacional de lojas franqueadas.

A entrada no mercado de franquias ocorreu em 2008, com o objetivo de instalar uma rede de lojas tradicionais com 150 lojas pelo país. O projeto de Mega Store começou a ser desenhado em 2013, com a primeira unidade, com 600m² de área de venda e mais de 3 mil itens à disposição da clientela, inaugurada no bairro do Morumbi, na capital paulista. O projeto exigiu um investimento de R$ 3 milhões. Em 2014, foi adaptado para operar também em shopping centers, com áreas de venda entre 200 m2 e 300 m2.

A rede encerrou o ano de 2015 com 106  lojas espalhadas por todo o país, sendo nove unidades no modelo Mega Store, e um faturamento de R$ 116 milhões.

A Tip Top conta com dois parques industriais localizados no estado de Mato Grosso do Sul, nas cidades de Campo Grande e Sidrolândia. Das indústrias saem todas as peças, entre confecção e moda praia, nos mais diferentes estilos, desenvolvidas de acordo com cada estação e relacionadas com aspectos exclusivos e temáticos, incluindo produtos licenciados.