Ilustração - Blog Franchise Store

Subway adota novas estratégias para driblar a concorrência

Nos últimos meses a gigante do mundo de franquias, a Subway, começou a implementar novas estratégias para ir de encontro com a concorrência no mercado e aumentar o desempenho de seus restaurantes, todos operando por franqueados.

 

Com o título de ”maior rede de fast food do mundo”, a americana começa a tirar o sono da concorrência com suas mudanças internas. Em fevereiro, a marca inaugurou a ”fresh foward” sua primeira loja conceito na Zona Sul de São Paulo. A marca atualizou seu layout e logotipo, trazendo uma identidade visual mais moderna e trabalhando na mente dos consumidores o conceito de que estão consumindo produtos mais frescos. “Nossa marca sempre foi associada a produtos frescos, mas agora reforçamos esse conceito”, afirma Paulo Davis, diretor regional de marketing da Subway. E geladeiras foram instaladas nas unidades onde são armazenados os vegetais, fazendo os clientes participarem de todo o processo de montagem do lanche.

Os painéis das unidades foram trocados por monitores de LED, exibindo vídeos e informações sobre os produtos. “Nessa evolução da marca, fazemos uma espécie de celebração dos vegetais, mostrando um ambiente moderno”, afirma o diretor regional. A estratégia ainda está sendo desenvolvida, no Brasil apenas três lojas foram adaptadas ao novo conceito ”fresh foward”. A Subway está em negociação com franqueados da rede para implantar a migração para o novo modelo. A conversão dos restaurantes não será obrigatória e para reduzir despesas, a companhia conseguiu 90% dos equipamentos tivessem fornecedores locais, reduzindo o impacto cambial na despesa.

“Os agentes de desenvolvimento vão fazer um processo de avaliação da gestão do negócio para tentar chegar a uma solução em parceria com o franqueado, levando em consideração o que prevê cada contrato”, afirma Davis. “Isso pode levar a uma mudança para o ‘fresh foward’ ou o restaurante pode ficar como está. Mas explicaremos que haverá um incremento de venda com a adesão ao novo conceito.”

Outra estratégia utilizada pela marca foi a recuperação do ”baratíssimo”, sanduíche de frango vendido a partir de R$ 7 reais.“Sentimos que era necessário responder à necessidade do consumidor, por isso revisamos o posicionamento de preço e decidimos optar por um valor mais agressivo”, conta o executivo. Essa estratégia também é muito utilizada pelos concorrentes da marca, como Burger King e Mcdonalds, com os sanduíches promocionais.

A marca ainda prevê mudanças no cardápio para aumentar as vendas. Paulo Davis comenta que o calendário de marketing prevê três lançamentos para 2018. ”Queremos focar mais no paladar do brasileiro, com novas proteínas”, diz o executivo. A previsão de Davis, é que as mudanças tenham um impacto positivo no ticket médio por loja Subway. “Sabemos que é uma forma importante de estar perto dos consumidores e oferecer mais conveniência do que a concorrência, mas será preciso esperar um pouco mais”, diz. Com as novidades, Davis acredita que as vendas da companhia deverão ter um aumento acima de um dígito.

Confira também: Como ser um máster franqueado de uma marca internacional.