Ilustração - Blog Franchise Store

QG Jeitinho Caseiro cresce e impulsiona desenvolvimento de fornecedores locais

O QG Jeitinho Caseiro, rede de restaurantes que atua no segmento food service, é um exemplo de empresa que cresce e impulsiona também o desenvolvimento de fornecedores locais, na região metropolitana de Goiânia – onde está instalada a sua unidade de produção. Em função de critérios que instituiu como qualidade de matéria-prima, embalagem e transporte adequados dos alimentos, o QG Jeitinho Caseiro tem incentivado indiretamente as empresas das quais adquire os itens de preparo dos alimentos a fazerem investimentos em melhorias técnicas e comportamentais.

Com disposição para se transformar, fornecedores regionais demonstram também seriedade para cumprir requisitos legais e vontade de crescer junto com os grandes estabelecimentos.  A Piatti Alimentos, fundada há três anos em Goiânia (GO), é exemplo de empresa que aprimorou os processos de fornecimento de produtos para ampliar as possibilidades de negócios. A empresa de pequeno porte conta com 12 funcionários e possui 45 clientes, entre lanchonetes e restaurantes. Há aproximadamente dois anos, a Piatti fornece mensalmente para a rede 1.500 quilos de filé de frango e 900 quilos de bacon.

Para se tornar fornecedor do QG, o empresário Eduardo Akira Sado, proprietário da Piatti, investiu R$ 12 mil na compra de um equipamento específico para embalar os produtos a vácuo. O procedimento oferece melhores condições de conservação e manutenção da qualidade do produto, já que esse tipo de embalagem restringe a permanência de oxigênio, o que consequentemente reduz as chances de proliferação de microorganismos.

“Sempre quis ter em minha carteira um cliente como o QG, que representa uma vitrine para o meu negócio e ajuda a atrair outras grandes empresas. Por isso, valeu a pena adquirir a embaladora a vácuo para atender às necessidades da rede. Pretendo mudar minhas instalações para outra ainda maior em 2014 para aumentar minha capacidade de atendimento tanto para o QG quanto para outros clientes que surgirem”, disse Eduardo Sado.