Anúncio

PUBLICIDADE

Encontre as melhores franquias para o seu perfil

Método agile: conheça a nova tendência do mercado de franquias

22 de julho de 2021

Compartilhe

Se você entende o básico do mercado de franquias sabe que os franqueados devem sempre seguir a padronização definida pela franqueadora, certo? Isso é verdade, mas já existe no franchising uma nova maneira de fazer negócios, mais intuitiva, rápida, eficiente e que oferece mais liberdade ao franqueado: é o método agile. 

Por mais que as franquias sejam uma maneira mais segura de se fazer negócio, parte da burocracia envolvida no processo vai na contramão das principais características da atualidade, como a necessidade de ser ágil para tomar decisões (daí vem o nome “agile”).

O método agile é uma mudança de paradigmas que pretende tornar o mercado de franquias mais moderno e rápido na aplicação de estratégias, algo que nem sempre podemos dizer que é verdade neste segmento. 

Imagine que um franqueado notou uma oportunidade de mercado em sua cidade e gostaria de criar uma estratégia específica para sua operação. O próprio conceito das franquias impede que essa oportunidade seja aplicada apenas em uma unidade, por exemplo, já que a padronização vale para todas. 

Enquanto isso, o franqueado perde o timing da estratégia e, consequentemente, a franqueadora perde a oportunidade de faturar em cima disso. Quantas oportunidades como essa não são perdidas diariamente no mercado de franquias? Essa é uma das situações que o método agile pretende transformar. 

Outra grande novidade do agile franchising é colocar em prática processos e planos operacionais de curto prazo para que novas oportunidades sejam percebidas em menos tempo, garantindo mais rapidez nos negócios. Essa estratégia é conhecida como MVP (minimum viable product ou mínimo produto viável, em português). 

No entanto, processos mais acelerados podem trazer mais riscos para a rede, o que exige da franqueadora mais eficiência na solução de problemas e aprimoração de métodos. É por isso que a metodologia agile requer agilidade emocional, conceito desenvolvido por Susan David, pesquisadora de Harvard. 

De acordo com a pesquisadora, agilidade emocional é a capacidade de compreender as próprias emoções, tanto as boas quanto as ruins, e saber aplicá-las nos mais diversos aspectos da vida. Com isso, é possível encarar as coisas de modo diferente, especialmente no trabalho, melhorando a performance e conseguindo bons resultados.

Confira a seguir algumas das principais características do método agile.

Principais características do agile franchising

Equipe em sala de reuniões

A metodologia agile não pretende colocar fim na padronização do mercado de franquias. Essa nova maneira de se fazer negócios é uma verdadeira revolução no franchising por proporcionar mais independência aos franqueados que continuarão executando os padrões da marca, mas a partir de ações padronizadas para sua unidade. Foto: Unsplash

 

Mais independência para o franqueado

Já que o franqueado é o centro de todo o conceito por trás do mercado de franquias, nada mais justo do que dar mais espaço para que ele seja capaz de tomar as próprias decisões. 

Nesse sentido, muitas franqueadoras já estão deixando os próprios franqueados cuidarem de suas redes sociais ou tomarem decisões fora dos padrões da marca (desde que isso não prejudique o modelo de negócio ou a reputação da franqueadora).

Gestão ágil

Todo o propósito do método agile, como o próprio nome já diz, é ter uma gestão mais ágil. 

Para que isso aconteça, é urgente que a desburocratização seja uma realidade no mercado de franquias, flexibilizando processos e modalidades de negócio com o objetivo de acelerar o trabalho e obter resultados de uma maneira mais rápida.

Estratégias pontuais

É verdade que a padronização é o grande pilar do mercado de franquias, mas para a gestão agile isso não significa necessariamente que os padrões devem ser um impedimento para o franqueado buscar suas próprias oportunidades. 

Algumas estratégias podem ser um sucesso de vendas para localidades específicas, mas talvez precisam ser adaptadas ou descartadas em outras regiões. Por isso, é interessante que o franqueado tenha liberdade para tomar as decisões que achar pertinentes para sua unidade.

Desafios do método agile

Pessoa anotando informações em post-its coloridos

Colocar o método agile em prática requer muito conhecimento de mercado e planejamento para executar as estratégias. Resiliência é outro diferencial que deve fazer parte do perfil do franqueado já que os problemas podem acontecer de forma rápida e inesperada. Foto: Unsplash

 

O modelo agile franchising ainda está tomando forma no mercado de franquias e apesar de ter muitas vantagens, também encontra alguns desafios como a necessidade de selecionar com mais cuidado os franqueados da rede já que eles terão algumas liberdades de franqueadora. 

Além disso, a agilidade dos processos requer menos medo nas decisões e a consciência de que as coisas podem dar errado na mesma velocidade. A franqueadora precisa estar preparada para enfrentar problemas e corrigi-los com rapidez e assertividade. 

E para quem é mais ligado aos métodos tradicionais, o agile franchising também não propõe o fim da padronização. Pelo contrário, são apenas otimizações para adequar o mercado de franquias às mudanças do mercado. 

Agora que você já conhece um pouco mais sobre o método agile que tal descobrir opções de negócio no mercado de franquias? Clique aqui e encontre a franquia ideal para você!