Encontre as melhores franquias para o seu perfil

Franquias baratas e lucrativas: Conheça os riscos desse modelo

11 de dezembro de 2019

Compartilhe
Franquias baratas e lucrativas

Franquias baratas ou microfranquias são modelos de negócio com investimento de até R$ 90 mil e podem ser opções lucrativas para o investidor.

Ao iniciar um novo ano, as pessoas fazem desejos e planos. Uns querem um carro novo. Outros querem viajar, comprar uma casa nova e outros ainda desejam dar uma virada total na vida e virar dono do seu próprio negócio. Mas será que é uma boa ideia investir nas microfranquias, conhecidas como franquias baratas e lucrativas?

O que são microfranquias?

A explicação é muito simples. As microfranquias, ou franquias baratas e lucrativas, são negócios replicados por meio do modelo de franchising e que exigem um investimento inicial inferior das franquias tradicionais. Como referência, a Associação Brasileira de Franchising (ABF) adota como padrão o valor de três vezes o PIB anual per capita (Produto Interno Bruto anual médio por habitante do País) como valor máximo de investimento para o negócio se classificar como microfranquia. Em valores atuais, estamos falando de algo próximo a um investimento de R$ 90 mil.

E veja como se calcula esse valor de investimento da franquia:

Tabela de investimento franquias baratas

Mercado de microfranquias

Com opções de investimento baixo que podem variar entre mil reais e R$ 90 mil, as franquias baratas se tornaram uma alternativa de investimento e até mesmo de ocupação para milhares de brasileiros que perderam seus empregos nos últimos anos por conta da crise econômica que o Brasil atravessou. Além disso, o crescimento desse formato auxiliou também as redes de franquias a seguirem expandindo suas operações.

O levantamento realizado pela Associação Brasileira de Franchising – ABF registrou que houve um crescimento de 8% dos negócios classificados como microfranquias de 2017 para 2018. Enquanto em 2017 havia 545 marcas de franquias baratas, no ano passado elas somavam 589. A maior concentração das franquias baratas e lucrativas está entre as redes com 1 a 5 anos e com 6 a 10 anos de atuação no franchising.

 

O segmento com maior número de modelos de franquias baratas e lucrativas é de Saúde, Beleza e Bem-Estar.

 

Vantagens de investir nas microfranquias

Investir no mercado de franquias baratas e lucrativas traz muitas vantagens para este novo empreendedor, como o baixo investimento e retorno mais rápido, contará com um pró-labore no final do mês e também terá a possibilidade de trabalhar home office, em muitos dos casos, mas é preciso tomar alguns cuidados. Confira:

  • Planeje os gastos do dia a dia como telefone, energia elétrica, deslocamento para atendimento aos clientes, caso for necessário, entre outros;
  • Um planejamento detalhado vai facilitar que o negócio atenda as expectativas de ganho;
  • O investimento de uma microfranquia é proporcional ao retorno. Aqueles que investem pouco – tempo e ou dedicação – não podem esperar ganhos volumosos;
  • Não se deixe levar pelas emoções. Analise bem o mercado de atuação e quais as condições oferecidas pelo franqueador;
  • Veja se tem afinidade com o tipo de negócio cogitado. Uma microfranquia exige muito empenho, dedicação e equilíbrio financeiro. Dessa maneira ela pode crescer de forma sustentável.
Cuidados para investir nas microfranquias

Cuidados para investir em franquia

Além das vantagens de investir em uma franquia barata e lucrativa é preciso também ter muito cuidado, pois entrar de cabeça em um novo negócio, sem analisar profundamente pode trazer problemas futuros. Confira as dicas abaixo para se dar bem na escolha:

  • Analise o mercado e defina qual nicho de atuação gostaria de investir;
  • Verifique se a franquia trabalha com o modelo de negócio – neste caso as microfranquias;
  • Estude cuidadosamente a Circular de Ofertas de Franquias – COF;
  • Garanta o cumprimento das exigências do franqueador;
  • Consulte um advogado na hora de analisar e assinar o contrato;
  • Principal: assegure o capital inicial necessário para dar início ao seu negócio;

 

Riscos do negócio

Riscos de abrir uma franquia

Franquias baratas e lucrativas podem parecer atrativas pelo investimento reduzido, mas isso não diminui a responsabilidade do negócio. Microfranquia não implica em microrresponsabilidades: o franqueador deverá prestar todo o suporte necessário aos franqueados e trabalhar para que as franquias baratas se tornem realmente lucrativas.

Sempre pesquise antes de investir em aparentes franquias baratas e lucrativas. Olhe sites como Reclame Aqui, redes sociais, consultas ao Procon e notícias veiculadas pela imprensa.

Quanto à taxa de mortalidade, a Associação Brasileira de Franchising aponta que houve queda no índice de mortalidade de franquias baratas e lucrativas, entretanto, ainda é uma quantidade significativa. A razão para isso, na maioria das vezes, é a falta de informação sobre o negócio misturada à inexperiência do empreendedor que procura por franquias baratas e lucrativas. No ano de 2017, a taxa foi de 7,2%, caindo para 5,7% no ano passado. Fatores como o aumento do número de repasses e a gradativa recuperação da economia a partir de 2018 justificam essa queda, segundo a associação.

Tipos de microfranquias

Tipos de franquia

Assim como todos os segmentos da economia precisaram se adaptar por conta das constantes mudanças que aconteceram nos últimos anos, o mercado de franquias também precisou rever os modelos de expansão, e uma das medidas foi a redução de taxas de investimento em seus negócios.

 

Em 2018, as redes de franquias com investimento inicial até R$ 90 mil, e também o inverso, as redes de microfranquias puras, passaram a oferecer modelos com investimento inicial acima de R$ 90 mil. Assim, esse tipo de modelo de negócio passou a ser classificados em dois tipos:

 

Puras: redes que possuem apenas operações com investimento inicial até R$ 90 mil. Os segmentos com maior número de redes de microfranquias, ou franquias baratas e lucrativas puras são: Saúde, Beleza e Bem-Estar e Comunicação, Informática e Eletrônicos. Vale ressaltar que alguns nichos destes segmentos não exigem muitos recursos em estrutura física, portanto possuem valores de investimentos menores.

 

Mistas: redes que possuem formatos de operação com investimento inicial até R$ 90 mil e formatos com investimento inicial acima de R$ 90 mil. Os segmentos com maior número de redes de microfranquias mistas são: Alimentação e Serviços Educacionais. As redes de Alimentação investiram em novos formatos, como quiosques e carrinhos. Já as redes de Serviços Educacionais se dedicaram a plataformas de ensino à distância e domicílio.

 

Quanto à proporção entre redes puras e mistas, os dados demonstram que em 2017 mais redes adaptaram seus modelos de negócios e reduziram as taxas de investimento cobradas devido ao cenário econômico. Eles sinalizam, ainda, que houve movimentos distintos entre as duas modalidades em 2018: as mistas somavam 75 marcas (14% do total), número que subiu para 166 redes (28% do total) no ano passado. Já entre as redes puras houve redução, passando de 470 marcas (86% do total) há dois anos para 423 (72% do total).

 

Se quiser saber mais sobre como abrir franquias baratas e lucrativa, não deixe de falar com nossos especialistas.

 

Conheça algumas opções de franquias baratas e lucrativas para investir:

 

Travelmate Intercâmbio e Turismo

Franquia Travelmate

Com investimento a partir de R$ 40 mil reais, a franquia conta com a experiência de profissionais com mais de 15 anos de atuação no mercado de viagens educacionais e de lazer. Está presente em todo o território nacional, com lojas próprias e franquias. A marca opera com três modelos de franquias baratas e lucrativas, adaptados para cidades e investimentos de todos os tamanhos: Máster, Premium e Express.

Conhecer a franquia

Nutty Bavarian

Franquia Nutty Bavarian

Com mais de 800 pontos de venda espalhados por shoppings centers, aeroportos, feiras, centros de convenções, estádios e parques de diversões como os da Disney e Universal Studios, a marca conta com investimento inicial de R$ 89 mil e está presente nas principais cidades brasileiras e tem excelentes perspectivas para crescimento.

 

Home Angels

Franquia Home Angels

A franquia foi desenvolvida para quem deseja trabalhar com uma marca de baixo investimento e bons retornos financeiros. O modelo de negócio é adaptado as necessidades da população da terceira idade, de pessoas em recuperação cirúrgica, com necessidades especiais e mães-novas.

Conhecer a franquia

TrataBem

Franquia Tratabem

Criada em 2012 a microfranquia tem com o objetivo formar profissionais credenciados, treinados e especializados no tratamento de água, através de cursos específicos realizados na própria franqueadora e com todo suporte da marca.

Menina Biju

Franquia Menina Biju

A marca nascida na cidade de Rondonópolis – MT foi criada em 2015 e visa um mercado competitivo e buscando ideias inovadoras no ramo de varejo de bijuterias e acessórios femininos, masculinos e infantis.

Nação Verde

Franquia Nação Verde

A rede nasceu a partir do desejo de um homem obstinado a construir um negócio altamente lucrativo, com baixo investimento e que fosse voltado para a sustentabilidade.

Conhecer a franquia

Emagrecentro

Franquia Emagrecentro

A franqueadora tem como objetivo proporcionar tratamentos de emagrecimento e estética com preços acessíveis para a maioria da população brasileira, proporcionando aos pacientes melhora na autoestima.

Kumon

Franquia Kumon

A rede de franquias de educação está presente em mais de 50 países e com mais de 4 milhões de alunos. Hoje no Brasil são quase 1.500 unidades que atendem mais de 170 mil alunos em todas as regiões brasileiras, consolidando-se como a maior rede de franquia de educação do País.

Conhecer a franquia

Mr. Kids

Franquia Mr Kids

10 cuidados antes de abrir franquias baratas e lucrativas
  1. O candidato deve fazer uma autoanálise para entender se tem perfil de ser franqueado. Isso deve levar em conta a questão da possível subordinação a alguém que não será um chefe, mas um parceiro de negócios que detém a marca e o modelo franqueado. As regras e padrões desenvolvidos pela franqueadora precisam ser seguidos para que o negócio alcance o sucesso prometido.
  2. Independentemente de ser franquias baratas e lucrativas ou outra, o candidato deve buscar os nichos aos quais têm mais afinidade e interesse. No entanto, ele não pode se interessar apenas como consumidor, pois deverá gostar, também, do processo que envolve o negócio.
  3. Capacitação é essencial. Sempre busque cursos em entidades como Cherto, ABF e Sebrae, ou procure um de nossos consultores para ter mais informações sobre o que é ser um franqueado, quais as oportunidades do nicho de franquias baratas e lucrativas e se tem perfil para isso.
  4. Busque informações sobre a franqueadora que está propondo o negócio. Uma das formas de se certificar de que a franquia entrega o que promete é por meio da Circular de Oferta de Franquia (COF) que é entregue dez dias antes da assinatura de qualquer tipo de contrato. No documento, constam todas as informações referentes a franquia, bem como o contato de todos os franqueados e ex-franqueados que deixaram o negócio nos últimos doze meses. O ideal é entrar em contato com o máximo de empreendedores possível para se certificar de que a franquias baratas e lucrativas que você escolheu cumpre o que promete.
  5. Cheque no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) se a marca é devidamente registrada. Um dos maiores problemas jurídicos do franchising é investir em marca que não está registrada e pode ser facilmente adotada por outros empresários.
  6. A filiação à Associação Brasileira de Franchising (ABF) pode ser um diferencial, mas não um critério determinante. Quando a rede de franquia é associada, ela pode se submeter à análise do Selo de Excelência em Franchising, que busca por informações e levanta a satisfação dos franqueados em tudo que é oferecido pela franqueadora.
  7. Outra coisa importante, e que parte da análise do próprio franqueado, e o tipo de público que será atendido pela franquia. Antes de mirar em uma marca, verifique qual o público-alvo dela e qual é o consumidor médio que terá na sua região de interesse. Por exemplo, não adianta levar produtos e serviços de classe A para consumidores que costumem comprar ou consumir marcas classe C. Isso vale tanto para bairros, quanto para cidades com portes maiores ou menores.
  8. É importante que o candidato faça um estudo e análise criteriosos dos documentos e informações recebidas da empresa de franquias baratas e lucrativas, inclusive do plano de negócio apresentado.
  9. A franqueadora deve apresentar ao candidato a Circular de Oferta de Franquia (COF) com todas as informações sobre o modelo de negócios operado. Pela lei de franquias (8955/94) nenhum contrato pode ser assinado antes de dez dias da entrega deste documento. A COF não deve conter apenas informações de marketing da empresa, mas todos os aspectos que envolvem o negócio, inclusive jurídicos.
  10. É importante considerar a contratação de um profissional especializado, de preferência um advogado, para a análise da COF e do contrato de Franquia, e ainda, de outros aspectos que o candidato julgue importante para se tornar um franqueado de empresa de franquias baratas e lucrativas.
Franquias seguem crescendo, mesmo com crise

Expansão do mercado de franquias

A ABF divulgou que o setor de franquias mantém o crescimento. No terceiro trimestre de 2018, o mercado de franquias brasileiro registrou um crescimento nominal de 6,1%, ante o mesmo período de 2018. O faturamento passou de R$ 44,479 bilhões para R$ 47,203 bilhões. Considerando-se os últimos 12 meses, a variação positiva foi de 6,8% (R$ 170,988 bilhões para R$ 182,657 bilhões).

Com uma taxa de crescimento semelhante a registrada no trimestre passado (5,9%) e no mesmo período de 2018 (6,3%), o terceiro trimestre mostra que o franchising está mantendo sua trajetória de crescimento gradual, mesmo em um cenário de inflação baixa e demanda oscilante por parte do consumidor.

O índice de abertura de lojas no terceiro trimestre foi de 4,3%, contra o fechamento de 1,4% das unidades, o que resultou num saldo de 2,9% no período. Com isso, o total de unidades de franquia em operação no País chegou a 160.553.

Segmentos

Todos os 11 segmentos que constam na lista da ABF cresceram no terceiro trimestre de 2019. A entidade acredita que os resultados positivos também possam ser influenciados por uma maior confiança do consumidor, passado um ano do período eleitoral. Casa e Construção, Moda, e Informática e Eletrônicos foram os segmentos que mais se destacaram no período. Em quase todos eles, há franquias baratas e lucrativas.

Com este desempenho, a ABF projeta que o crescimento do setor em 2019 deve ser de cerca de 7% em faturamento e de 5% em unidades franqueadas e empregos gerados. Já o volume de redes em operação no País deve ter um leve crescimento de cerca de 1%.

 

Brasil é um dos maiores do mundo

O setor de franquias no Brasil é extremamente consolidado e a nossa lei inspira outros países a regulamentar a atividade empreendedora por meio do franchising. Em pouco tempo, o Brasil se tornou um dos maiores mercados do mundo, respeitado e recebido pela International Franchise Association (IFA), maior entidade de franquias do mundo, como uma autoridade mundial.

 

Ranking de franquias segundo o WFC

De acordo com o último balanço divulgado pelo Conselho Mundial de Franquias (WFC, da sigla em inglês) o Brasil é o quarto maior mercado de franquias do mundo. No entanto, em número de unidades, é o sexto maior.

Veja na tabela a seguir:

Ranking de franquias