Anúncio

PUBLICIDADE

Encontre as melhores franquias para o seu perfil

Franquia de educação infantil: por que investir neste segmento em 2021

29 de abril de 2021

Compartilhe
Crianças em sala de aula de franquia de escola de educação infantil

Está pensando em começar o próprio negócio na área de educação? Uma franquia de educação infantil pode ser a opção ideal para o que você está procurando.

Uma das principais vantagens de iniciar um empreendimento na área é não correr o risco de sofrer com sazonalidades já que a educação é encarada como essencial para muitas pessoas, oferecendo alta demanda por esses serviços.

Além disso, investir em franquia de educação infantil permite ao empreendedor optar por diversos segmentos de atuação como escola de idiomas, reforço escolar, cursos extracurriculares, etc., fomentando o crescimento desses negócios.

No entanto, abrir uma franquia de educação infantil atualmente requer atenção redobrada porque a própria dinâmica do ensino mudou. É necessário que o empreendedor busque por marcas que ofereçam maior flexibilidade de atuação e uma infraestrutura tecnológica moderna para acompanhar as novas demandas do mercado.

Preciso ser professor para abrir uma franquia de educação infantil?

Assim como na maioria das operações do franchising, quem adquire uma franquia de educação infantil não precisa necessariamente ser formado em pedagogia ou ter experiência na área.

Nesse caso, o franqueado fica responsável pela parte administrativa e não atua como um educador. Mas para quem tem o intuito de trabalhar diretamente com o ensino, a franquia de educação infantil é uma ótima opção de investimento.

Em ambos os casos é fundamental que o franqueado busque constantemente por qualificações e atualizações sobre a área para manter o negócio atualizado em termos de competitividade de mercado.

Antes de adquirir sua franquia de educação infantil é recomendado que o empreendedor busque ajuda especializada para conhecer a concorrência e qual a demanda por serviços educacionais em sua região.

Vale lembrar que abrir uma unidade de franquia de educação infantil não é garantia de sucesso, por isso é tão importante contar com a presença de uma marca forte e conhecida já que a franqueadora auxilia o empreendedor durante todas as etapas do negócio. E quanto mais experiência a marca tiver maiores são as chances de retorno rápido do investimento e lucratividade da operação.

A nova realidade do segmento de educação

Criança de moletom vermelho com fone de ouvido preto estudando pelo notebook

Infraestrutura e tecnologia serão fatores fundamentais para garantir o sucesso de franquias de educação infantil. Foto: Unsplash

 

Em sua essência, o segmento de educação foi um dos mais afetados pela pandemia. Por conta de medidas de restrições e isolamento social, não é mais possível assistir a aulas presenciais da mesma forma como antes, o que pode prejudicar muitos alunos, especialmente aqueles em idade de alfabetização. 

Negócios que surgem nesse contexto precisam estar atentos à nova realidade: conseguir oferecer serviços e produtos eficientes mesmo a distância. 

Por mais que a unidade tenha professores altamente qualificados na equipe, a franquia de educação infantil precisa proporcionar soluções eficientes aos consumidores, e a resposta para esse problema está na tecnologia. 

Isso não significa que o espaço físico da franquia de educação infantil deixará de existir, pelo contrário, é fundamental alinhar as duas alternativas (física e digital) para que o cliente escolha a que for mais viável. 

Além disso, é necessário garantir que o progresso do aluno será o mesmo independentemente do canal escolhido para sua aprendizagem. Para que isso aconteça da melhor forma possível, permitir que pais ou responsáveis deem seu feedback sobre o ensino é fundamental para avaliar se a franquia de educação infantil está no caminho certo.

O papel da franqueadora em momentos de crise

Criança desenhando em cartolina laranja com vários materiais escolares em cima da mesa

Optar por uma marca experiente e com operações consolidadas no mercado pode garantir o sucesso da operação. Foto: Unsplash

 

A experiência da franqueadora tem papel fundamental no sucesso de uma franquia de educação infantil. Todos os aspectos mencionados acima, especialmente no quesito tecnologia, são de responsabilidade da franqueadora. 

Infraestrutura e know how são fatores a serem levados em consideração antes de abrir sua franquia de educação infantil, ainda mais no momento de crise que estamos vivendo. Sem a presença da franqueadora seria muito difícil entender o comportamento dos clientes e elaborar as melhores estratégias para atendê-los da melhor forma possível. 

Poder contar com uma empresa experiente e com vasta visão de mercado aumenta as chances de sucesso da unidade. Desse modo, escolher a melhor franquia de educação infantil para seu perfil é um trabalho mais complexo do que se imagina, o que requer ajuda especializada. 

Enquanto isso, separamos para você uma lista com 10 franquias do segmento de educação infantil que devem estar no seu radar de investimentos. Confira!

10 opções de franquias de educação infantil para começar seu negócio

Fadelito

Investimento mínimo: a partir de R$900.000 

Previsão de retorno: a parti de 25 meses 

Faturamento médio mensal: R$210 mil

 

Cultura inglesa

Investimento mínimo: a partir de R$290 mil

Taxa de franquia: a partir de R$30 mil

Capital de giro: a partir de R$30 mil

Previsão de retorno: a partir de 24 meses

Faturamento médio: a partir de R$90 mil



Colégio Força Máxima

Investimento mínimo: a partir de R$950 mil

Previsão de retorno: a partir de 48 meses

Faturamento médio mensal: a partir de R$400 mil


CCAA 

Investimento mínimo: a partir de R$217 mil 

Previsão de retorno: de 24 a 36 meses 

Faturamento médio mensal: a partir de R$78 mil

 

Centro britânico

Investimento mínimo: a partir de R$105 mil

 

CNA 

Investimento mínimo: a partir de R$50 mil 

Retorno do investimento: de 24 a 48 meses

Faturamento médio mensal: R$95 mil

 

Fisk 

Investimento mínimo: R$120 mil 

Previsão de retorno: de 18 a 24 meses 

Faturamento médio mensal: R$54 mil

 

Kumon 

Investimento mínimo: a partir de R$40 mil 

Previsão de retorno: de 18 a 24 meses 

Faturamento médio mensal: R$30 mil

 

Meu dever de casa 

Investimento mínimo: R$35 mil 

 

Monitorias 

Investimento mínimo: a partir de R$6 mil 

Previsão de retorno: de 2 a 6 meses 

Faturamento médio mensal: R$30 mil