Anúncio

PUBLICIDADE

Encontre as melhores franquias para o seu perfil

Franqueado digital: conheça 3 franquias para empreender pela internet

4 de março de 2021

Compartilhe
Notebook com gráficos sobre o negócio do franqueado digital

Trabalhar pela internet é algo cada vez mais comum, e nem só quem é funcionário tem essa vantagem. Quem é dono do próprio negócio também pode administrar a empresa de casa, sem a necessidade de manter uma operação física para ter sucesso.

A grande prova de que isso é possível é o mercado de franquias que tem no home office o carro chefe de muitas operações. Podendo escolher negócios de diversos segmentos, o franqueado digital encontra vantagens que vão muito além da possibilidade de trabalhar em casa, como você verá a seguir.

Franqueado digital: o que é?

Assim como franqueados tradicionais, o franqueado digital é alguém que comprou uma unidade de franquia, sendo que a única diferença é que a operação é digital ao invés de física.

Como franqueado digital, o empreendedor também tem acesso às vantagens oferecidas pela franqueadora, como:

Know how adquirido pela marca ao longo dos anos, já que uma marca de franquia é uma empresa consolidada, testada e aprovada pelo mercado


– Treinamento e suporte constante oferecido pela franqueadora. Todo novo franqueado passa por um treinamento sobre como administrar a unidade, mesmo não tendo experiência prévia no assunto


– Consultoria jurídica e de comunicação. Todos os franqueados da rede, independentemente do tamanho da operação, têm acesso à equipe jurídica e de comunicação da matriz.

 

– Escolha do ponto comercial. Quando a operação é física, a franqueadora ajuda o empreendedor a escolher o ponto ideal para que a unidade tenha sucesso, mas como estamos falando de franquias digitais, então o empreendedor terá ajuda para administrar o negócio da própria casa.

Franqueado digital possui microfranquia?

Duas pessoas olhando notebook para se tornar um franqueado digital

Para ser um empreendedor de sucesso não é necessário investir milhares de reais em operações enormes: é possível lucrar com operações de baixo investimento com as microfranquias. Foto: Pixabay

 

Sim!

Na prática, o franqueado digital adquire uma microfranquia, ou seja, operação de até R$90 mil, de acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF).

Isso acontece porque franquias digitais são bens mais econômicas do que operações tradicionais (acima de R$90 mil).

Pense o seguinte: a franquia digital não necessita de um espaço físico para funcionar e tudo pode ser administrado da sua própria casa. Só aí já é possível economizar com o aluguel e outras despesas envolvidas numa unidade física.

Outro ponto positivo da microfranquia é que ela não precisa de funcionários, sendo que o franqueado digital pode ser o único funcionário da empresa.

Mas atenção!

Para quem nunca trabalhou sozinho sendo o próprio chefe é preciso tomar alguns cuidados antes de entrar de cabeça nessa empreitada:

 

  • A rotina e a disciplina serão melhores aliadas

 

Trabalhar em casa é muito mais confortável do que cumprir horário no escritório. É uma  verdade, mas isso não significa que haverá pouco trabalho para fazer. Pelo contrário!

O franqueado digital pode até ser o próprio chefe, mas ele também é o único funcionário da empresa, ou seja, tudo depende do desempenho de uma única pessoa.

Para evitar problemas durante o home office, o franqueado digital deve definir uma rotina de trabalho e segui-la com a mesma obrigação que teria se fosse funcionário de outra empresa.

 

  • Nada de ficar de pijama durante o trabalho!

 

Para quem trabalha em casa, é tentador ficar de pijama o dia todo. O trabalho até pode funcionar assim para algumas pessoas, mas o ideal é que o franqueado digital troque de roupa para mais um dia de trabalho.

 

  • Separe as contas pessoais das despesas do negócio

 

Esse é um grande problema para qualquer empreendedor, mas para o franqueado digital a atenção deverá ser redobrada.

Por estar na própria casa, o franqueado deverá se atentar para o que entra como despesa da empresa ou pessoal.

Por exemplo: o café da tarde entra em qual tipo de despesa? Se você definiu que o período da tarde é horário de trabalho então essa refeição conta como despesa da unidade. 

Pode parecer pouco, mas é preciso ter cuidado com os pequenos detalhes para que as contas não saiam do controle!

Fique atento: conheça as principais nomenclaturas do franchising

Teclado ao lado de fone de ouvido branco e post-its amarelos sobre franqueados digitais

Antes de investir no franchising é importante conhecer os principais termos do mercado e suas definições. Foto: Pixabay

 

Se você é novo no mercado de franquias, separamos algumas definições importantes que fazem parte desse setor. Confira:

Franqueadora

É quem detém os direitos sobre a marca.

Exemplo: quem compra uma unidade do McDonald’s não vira dono da marca, apenas da unidade que adquiriu.

Franqueado

É o empreendedor que adquiriu uma unidade de franquia, seja tradicional ou de operação micro.

Microfranquia

Franquia no valor de, no máximo, R$90 mil.

Taxa de franquia

Valor unitário cobrado pela franqueadora durante a assinatura do contrato de compra, a taxa de franquia dá “licença” para que o franqueado utilize o nome e os serviços da marca.

Capital de giro

Valor estipulado pela franqueadora para manter a unidade funcionando por seis meses (ou mais, dependendo do tamanho da operação).

Capital de instalação

Investimento cobrado em operações físicas para reformar o ponto comercial escolhido e deixar a unidade com a “cara” da marca.

Informações como taxa de franquia, capital de giro e capital de instalação devem ser oferecidas pela franqueadora na Circular de Oferta de Franquia (COF).

3 franquias para você se tornar um franqueado digital e empreender pela internet

Brasil Nutri Shop 

Maior franquia de produtos fit on-line da América Latina, a Brasil Nutri Shop oferece três modelos de franquia: padrão (R$9 mil), personalizado (R$12 mil) e master (R$15 mil). 

Todas as modalidades permitem atuar no modelo home office e não exigem CNPJ do franqueado nem espaço para estoque dos produtos (a franqueadora cuida de tudo!). 

Investimento mínimo: a partir de R$9 mil 

Taxa de franquia: a partir de R$9 mil 

Faturamento médio: a partir de R$10 mil 

Retorno do capital: a partir de 12 meses 

 

Mazze

Loja de semijoias femininas e masculinas, a Mazze é referência em vendas do setor no sul do Brasil. 

A franquia trabalha com o modelo home based e pode ser administrada 100% on-line. 

Com 150 unidades em operação no país, não é necessário ter CNPJ para ser franqueado da rede. 

Investimento mínimo: a partir de R$9 mil 

Faturamento médio: R$10 mil

Capital de giro: R$500

 

WSI

Maior franquia de marketing digital do mundo, a WSI tem parcerias com empresas de renome do mundo digital. 

A franquia oferece sistema de marketing digital, acesso à rede global de consultores e treinamento permanente aos franqueados. 

Dentre os produtos da rede estão: display e remarketing, inbound marketing, marketing de conteúdo, web analytics, web design e desenvolvimento de sites, otimização de site, e-mail marketing, entre outros serviços de marketing digital. 

Investimento inicial: R$59,8 mil (incluindo taxa de franquia e capital de giro)

Faturamento médio mensal: a partir de R$15 mil. 

Retorno de capital: 16 meses