Anúncio

PUBLICIDADE

Encontre as melhores franquias para o seu perfil

Cuidare em expansão pelo Sul do Brasil

12 de outubro de 2020

Compartilhe
Cuidare em expansão

Rede de cuidadores inaugura a sua sexta unidade no Rio Grande do Sul, em Canoas

 

A Cuidare Brasil, uma das maiores redes de cuidadores do país, segue em franco crescimento durante a pandemia. A franqueadora ajustou toda a sua cadeia de operação e a gestão à logística dos profissionais para atender, com segurança, a demanda, que subiu 30% no último semestre. As mudanças têm surtido efeito e rendido frutos no tamanho da empresa, que já ultrapassa 80 unidades franqueadas em 20 estados brasileiros, no Distrito Federal e em Portugal, além de operações em fase de implantação na Argentina e no Canadá. 

 

De olho nesse potencial, Juçara Rheingantz, de 53 anos, decidiu investir para levar a primeira unidade da franquia para o município de Canoas, a sexta no Rio Grande do Sul. Casada e mãe de dois filhos, formada em Administração de Empresa, com MBA em Gestão Estratégica, ela trabalhou por 34 anos, sendo 25 na Prefeitura de Porto Alegre e 15 na Secretaria da Saúde.

 

– Aposentei-me em setembro do ano passado, mas já sabia que iria procurar uma atividade. Dos modelos de franquia que pude pesquisar, foi com o da Cuidare que mais me identifiquei. Moro em Porto Alegre, mas escolhi Canoas pelo seu grande potencial para absorver os seus serviços. É uma cidade em crescimento, sendo o terceiro PIB do nosso estado e com aproximadamente 350 mil habitantes. Quanto à franqueadora, a experiência tem sido ótima. Tenho todo o suporte e os materiais necessários. O mais interessante é que, depois que escolhi a Cuidare para empreender, todos os meus familiares e amigos dizem que é a minha cara esse tipo de serviço – revela.

 

A data para o início da operação é especial: 1º de outubro, quando é comemorado do Dia do Idoso.

 

Empreender na profissão que mais cresce no Brasil

 

A profissão de cuidador de idosos é a que mais cresce no Brasil. Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), do Ministério do Trabalho, de 2007 para cá, o número de profissionais saltou de 5.263 para 34.051, um avanço de 547%. Números tão expressivos quanto o seu pano de fundo: o envelhecimento dos brasileiros. De acordo com o IBGE, a população com mais de 60 anos mais que dobrará até 2050.

 

Para saber mais, acesse https://franquia.com.br/franquia/cuidare/