7 dicas para melhorar a gestão da sua empresa

Maiara Souza - 13 de março de 2018

Compartilhe

Já é tradição: Sempre que um novo ano começa, surgem as promessas, simpatias e resoluções. No âmbito empresarial, o que você pode fazer de diferente para alcançar melhores resultados Apontamos algumas dicas que podem ajudar.

 

Abra o olho para o mercado e seus clientes

Você teve uma ótima ideia em 2017 mas, no final, foi um fracasso. Você pensou bem antes de colocá-la em prática ou só por que parecia uma boa ideia achou que daria certo? Só por um milagre uma estratégia é efetiva sem estudar o mercado, conhecer os seus clientes e os concorrentes. Não deixando de lado que tudo muda constantemente, o que interessava ao seu público em janeiro pode não interessar agora, abra bem os olhos e estude hábitos de compra.

 

Envolva a equipe em suas decisões

Se nem todos os objetivos foram alcançados vale a pergunta: onde foi que eu erre? Uma das possibilidades é que apenas você tenha acreditado nessa meta, o que raramente funciona em uma empresa. Manter os colaboradores motivados é o que mais aproxima um negócio
do sucesso. A produtividade é proporcional à satisfação com que desenvolvem suas tarefas. Dinâmicas, vídeos e treinamentos são ações válidas. Só não deixe de participar diretamente delas.

 

Aproveite os benefício da comunicação

Já dizia Chacrinha: Quem não se comunica, se trumbica. E não é que ele estava certo? Olhe para dentro da sua empresa e veja como os processos funcionam (ou não funcionam). Quantas vezes você teve que contornar erros bobos, cuja origem estava em um mal entendido?
A falta de diálogo entre estoque, vendas e financeiro, por exemplo, provoca ruídos que prejudicam negociações e afetam o faturamento. Para evitar a bagunça, qualificar as ações e deixar todos mais felizes na empresa, adota ferramentas efetivas de comunicação interna.

 

Não tenha medo de inovar

A inovação é uma etapa fundamental para o crescimento da empresa. Inovar significa fazer diferente, ser criativo e propor novas maneiras de abordar problemas antigos. A inovação pode ser no produto, nos processos ou até no modelo de negócio. Quem fica parado no tempo não se destaca no mercado, convive eternamente com os mesmos erros e vê seu faturamento se estabilizar em uma zona de conforto, mas pouco lucro. Tem que dar um basta nisso, pensar em inovação e ter disposição para mudar.

 

Faça mais e faça melhor

O mercado hoje é muito competitivo. E só se destaca nele quem consegue fazer mais em menos tempo e utilizando menos recursos. A busca por mais produtividade é uma constante em pequenas empresas, já que a eficiência é passagem obrigatório para o sucesso em negócios enxutos. Mas a que preço? Enlouquecer seus colaboradores com excesso de trabalho não os tornará mais produtivos. Já ser flexível quanto a horário, permitir que trabalhem em home-office quando isso for viável e estabelecer indicadores de desempenho que não desconsiderem a qualidade de vida do trabalho são ações que contribuem para o maior engajamento.

 

Use a tecnologia a seu favor

Se você ainda faz o controle financeiro manualmente e o seu estoque, ainda checa os itens nele apenas com uma prancheta nas mãos, está na hora de rever seus conceitos. Planilhas e outros documentos em papel são úteis na fase embrionária do negócio, quando um mínimo cuidado de gestão é melhor do que nenhum. Mas 2017 chegou e não dá para ficar preso no passado.

Você precisa adequar seus processos ao mundo digital, utilizando ferramentas online, que trazem diferenciais como o armazenamento na nuvem e o acesso por dispositivos móveis. É dessa forma que você deve realizar o fluxo de caixa, conciliação bancária, cadastro de clientes e emissão de nota fiscal, entre outras tarefas de gestão.

 

O contador é o seu melhor amigo

O contador é o principal parceiro para o sucesso de um negócio. Há quem desconsidere esse suporte e veja o profissional de contabilidade como aquele que está na emrpesa para lembrá-lo de fazer a parte chata e não operacional. É claro que você prefere vender, produzir e executar do que calcular impostos e registrar receitas e despesas. Mas quanto tempo o negócio sobreviveria sem um controle financeiro? Adote esta dica final como sua resolução de Ano Novo: ouça seu contador, tire com ele as dúvidas sobre as obrigações acessórias da empresa e aposte nas melhores práticas de gestão.

 

Melhore sua gestão em 2018.

Embora não exista uma receita única para quem persegue o sucesso nos negócios, não há grandes segredos: é preciso trabalhar, se dedicar, refletir, analisar e planejar. Como recado final, vale a recomendação para que você se assuma como gestor que a empresa necessita, qualificando os processos, promovendo ajustes, oferecendo condições e um ambiente produtivo e acompanhando de perto os resultados. Está na hora de arregaçar as mangas.