Ilustração - Blog Franchise Store

Jovens empreendedores inovam no mercado de franquias

Jovens empreendedores têm visto nas franquias uma forma atrativa para crescer. Donos de empresas inovadoras aos 30 anos ou menos, eles optam por franquear a marca para ganhar alcance nacional rapidamente e com investimento relativamente baixo. Lucas Moreira, 27, da Conecta Valor (www.conectavalor.com.br), consultoria que orienta em qual marca franqueada investir, tira uma conclusão dessa tendência: “Tem negócio que só funciona em escala e com o dono atrás do balcão, o que ocorre no sistema de franchising”.

Promover a expansão sem estourar o orçamento foi um dos motivos que levaram os mineiros André Horta, 31, e seu sócio Thiago Lourenço, 28, a decidirem franquear o BitcoinToYou (www.bitcointoyou.com) – marca que comercializa bitcoins no Brasil. “Percebemos que não tínhamos recursos próprios para cumprir nossa meta de abrir pelo menos uma unidade em cada capital do Brasil”, conta Horta. A primeira franquia e loja física foi inaugurada em junho, em Curitiba (PR). Seguiu-se uma em Porto Alegre (RS) e duas no interior de São Paulo. A previsão é lançar outras seis até o fim do ano.

Os irmãos Shoel (Bruno, Marcelo, Rafael e Shemuel), do ThedogHaüs (www.thedoghaus.com.br), também querem levar o seu produto de São Paulo (SP) aos quatro cantos do país. Oferecer hot dogs gourmet deu tão certo que o faturamento mensal do negócio, lançado em setembro de 2013, chegou a R$ 250 mil. “Não tinha como não criar uma rede de franquias. O Brasil todo merece conhecer o que é um verdadeiro hot dog”, comenta Shemuel Shoel, 30. O processo de franquear a marca está em curso e até dezembro de 2014 serão abertas dez unidades.

Obter alcance nacional exige, porém, uma estrutura sólida para que não se perca na qualidade dos produtos e serviços prestados, outra vantagem das franquias. “É preciso padronização e acompanhamento constante para garantir o primor dos nossos mais de 100 itens à venda”, afirma Vanessa Vilela, 36, fundadora da Kapeh (www.kapeh.com.br), marca que desenvolve e comercializa cosméticos à base de café. O negócio começou no interior de Minas Gerais e terá pelo menos oito lojas ainda este ano.

Identificando o aumento na oferta de franquias e a dúvida sobre qual o negócio mais lucrativo para se investir, Lucas Moreira também apostou no ramo ao criar a Conecta Valor, em 2013. A consultoria presta orientação exclusiva e personalizada para investidores, atuando em todas as fases da aquisição de unidades franqueadas, desde a análise do perfil do interessado e do mercado, até o momento do contrato. “Muitas vezes quem quer investir acaba procurando empresas já consolidadas, mas são as novas que têm mais possibilidades de crescimento”, conclui o especialista, que já ajudou mais de 80 empreendedores a encontrar a bandeira de franchising ideal.