Ilustração - Blog Franchise Store

Home Office: Mitos e Verdades

O modelo de trabalho home office será oficialmente regulamentado no Brasil. Esse fator irá ampliar a segurança de empregadores e empregados e possibilitar que ele seja cada vez mais utilizado.

 

De acordo com uma pesquisa da PGI, maior fabricante de softwares, 79% dos trabalhadores afirmam trabalhar em casa e 60% dos trabalhadores remotos parciais deixariam seu emprego atual por uma posição remota em tempo integral. O modelo home office chama atenção pela comodidade e facilidade que apresenta, proporcionando ao trabalhador mais horas remotas em seu dia. No entanto alguns mitos e verdades sobre o modelo ainda são cultivados.

  • No home office, a empresa não possui a mesma responsabilidade no que diz respeito à medicina e segurança do trabalho.  Mito: Desde que o funcionário esteja registrados de acordo com a CLT, a responsabilidade quanto à medicina e segurança do trabalha é a mesma para profissionais que realizam home office.
  • Há uma norma regulamentadora do ministério do trabalho que prevê parâmetros e, quando necessárias, adaptações das condições de trabalho. Verdade: A Nr17 estabelece padrões para que os funcionários realizem suas atividades com o máximo de conforto e segurança, independentemente de onde as tarefas são desempenhadas.
  • O colaborador não precisa participar de treinamentos de segurança. Mito: Mesmo realizando suas atividades à distância, é responsabilidade do empregado assistir aos treinamentos ou estudar os materiais encaminhados para assegurar sua saúde, segurança e produtividade. Assim como cabe ao empregador fornecer tais informações, mesmo que seja online.
  •  Os colaboradores que trabalha em home office é mais produtivo. Verdade: A Harvard Business Review realizou um estudo que notou um aumento da produtividade do trabalhador de 13,5% depois de permitir o trabalho home office.
  • O empregado de trabalho remoto não desliga nunca ou está sempre disponível para um passeio. Mito: O colaborador deve se organizar para manter uma rotina de trabalho em horários semelhantes aos do escritório. Também precisa manter um hobby, praticar atividades físicas e equilibrar vida pessoal e trabalho.

 

Deve haver sempre um consenso entre chefe e funcionário, assim como a empresa deve se policiar para não sobrecarregar o funcionário que trabalha em casa, o funcionário precisa de um bom lugar para trabalhar, sem muitas distrações e respeitar que ele possui tarefas para entregar e uma jornada para cumprir nas dependências de casa.