Ilustração - Blog Franchise Store

Empreendedor fatura R$ 12 milhões com fabricação de joias em casa

O empreendedor Marcos Pertile iniciou sua carreira de suesso aos 20 anos de idade, em seu tempo livre, depois do trabalho.

 

A história de sucesso de Marcos Pertile começou dentro de sua casa. O empreendedor dedicou seu tempo livre para um novo ofício: fazer joias. O empreendedor com a ajuda do irmão que já tinha uma empresa no ramo de semijoias, começou a produzir joias todos os dias.

“Depois do trabalho eu ia até a fábrica preparar as peças. Na noite seguinte, levava para soldar e montar. Era um processo bem lento, mas gostei tanto que em pouco tempo fiz um acordo para sair da empresa em que trabalhava e passei a me dedicar integralmente a isso”, conta Pertile.

Marcos instalou sua própria fábrica na garagem dos pais e já habituado à produção das peças, o empreendedor fabricava anéis, colares e brincos em sua forma bruta, vendendo-os a empresas que finalizavam a semijoia, banhando a ouro e outros metais. A fábrica foi o principio do que hoje, é uma carreira com mais de 25 anos de experiência em fabricação de semijoias. Ao longo desse tempo, Marcos trabalhou com finalização de peças com banho de ouro e fundição, sempre através de empreendimentos próprios.

Em 2013, Jamil Machado, fundador da rede de franquias Mapa da Mina, convidou o joalheiro para entrar como sócio da marca. Foi a entrada de Marcos, hoje diretor da Mapa da Mina, que a marca começou a atuar na comercialização de semijoias de fabricação própria.

Em 2017, a novidade no modelo de operação teve retorno: Mapa da Mina faturou 12 milhões de reais, e hoje possui 15 pontos de venda próprios distribuídos pelos estados de São Paulo e Rio de Janeiro.

Em 2015, a Mapa da Mina entrou no mercado de franchising, oferecendo três modelos de franquias: loja, quiosque e microfranquia. Com um modelo de autoentendimento, as franquias pedem investimento de 150 mil reais e área mínima de 30 metros quadrados. Já os quiosques têm investimento de 100 mil reais e demanda um espaço de 6 mil metros quadrados. A microfranquia Mapa da Mina tem sistema home based, trabalhando com as vendas das peças em torres expositoras, o investimento é de 50 mil reais.

Buscando capilaridade em todo o território brasileiro, a Mapa da Mina tem oportunidades para investidores de todas as regiões do país e projeta a abertura de dez novas franquias até o final de 2018.

 

Fonte: Guia Franquias de Sucesso