Ilustração - Blog Franchise Store

Como prever a lucratividade de uma franquia?

Existem vários fatores que devem ser criteriosamente avaliados no processo de fechamento de contrato de uma franquia. Porém, um dos pontos mais delicados e mais importantes para o investidor é saber se o seu investimento terá o retorno financeiro dentro do prazo esperado.

 

O franqueador antes de qualquer consideração, precisa saber se sua unidade lhe trará lucratividade. A lucratividade de uma franquia pode ser calculada pela divisão do lucro líquido pela receita total de vendas. Esse valor deve ser multiplicado por 100 para se achar o percentual de lucratividade.

É preciso ter uma visão menos específica sobre a estrutura de faturamento. Antes de tudo, o franqueador deve levantar todos os números do negócio e detalhar toda a operação, como gastos com montagem e detalhes na estrutura. Você precisa ter uma visão ampla sobre os números e projeções apresentadas pela franquia. E não se pode ficar preso aos dados fixos apresentados pela franqueadora como faturamento médio, taxa de franquia, royalties e taxa de publicidade. São dados flexíveis e que dependem de uma boa gestão, por isso planejamento e pesquisa são a base para traçar uma ideia sobre lucratividade.

 

Conversando com outros franqueados.

No levantamento de dados sobre a franquia, é importante que esses dados sejam justificados na realidade. Buscar franqueados que já atuam no negócio e tem experiência com a rotina de trabalho e a dinâmica do negócio é essencial. Os franqueados são um termômetro para o novo investidor, através dos depoimentos o interessado pode conhecer o negócio de perto e entender melhor os custos e retorno do investimento, compreendendo a verdadeira situação da lucratividade do negócio.

Na hora de escolher a unidade, busque a que mais se pareça com o seu investimento, como localização, modelo e gestão. Assim você se aproxima vem mais do que deseja saber.

Outro fator importante para prever o lucro de uma unidade são as mudanças de processos no mercado, ou quando o negócio é sazonal. Dê preferencia para franquias que sejam flexíveis no gerenciamento de crises e que tenham mais chances de uma lucratividade estabilizada, mesmo em segmento com flutuações de mercado.

Podemos fazer mil análises e dar muitas dicas de como começar o negócio com o pé direito, mas depende de você. O investidor precisa ter a perspicácia de um empreendedor. Que sabe ver as necessidades do mercado e se adaptar a elas. Por isso, mesmo com todo o suporte técnico e direcionamento da franqueadora, o sucesso de uma unidade depende de estratégias e dedicação peculiares. O sucesso depende da disponibilidade e das ferramentas que o franqueado tem para fazer a gestão do negócio. Por isso, seja criativo na gestão dos negócios, pois a lucratividade da sua empresa está em suas mãos.

 
Confira também:  Negócios promissores para 2018