Ilustração - Blog Franchise Store

Casa do Construtor quer abrir 50 unidades em 2014

A Casa do Construtor, rede de franquias para locação de equipamentos direcionados à Construção Civil, com 20 anos de atuação no mercado, dá continuidade ao seu plano de expansão pelo país e inaugura no início de 2014 mais 10 lojas. As primeiras unidades do ano serão em cidades das regiões Nordeste, Sul e Sudeste do país: Olinda (PE), Maracanaú (CE), Novo Hamburgo (RS), Jaraguá do Sul (SC), Cambé (PR), Poá (SP), Capivari (SP), Cidade Dutra (SP), Avaré (SP) e Taboão da Serra (SP). A meta da Rede é conquistar a marca de 252 lojas até o final de 2014, encerrando o ano com faturamento de R$180 milhões.

 A rede possui hoje 200 unidades. O plano de expansão é agressivo, tem o objetivo de atingir mil unidades até 2020. “Para 2014, a previsão é que tenhamos 50 lojas novas. Para este início do ano, 10 inaugurações já estão confirmadas. As regiões Nordeste, Sul e Sudeste são estratégicas para o crescimento da companhia e geração de novos negócios no setor da Construção Civil”, afirma Altino Cristofoletti Junior, sócio-fundador da Casa do Construtor.

 No final de 2013, a rede ainda inaugurou unidades nas cidades de Cajamar (SP), Campos de Goytacazes (RJ), Araxá (MG) e Praça da Taquara, no Rio de Janeiro (RJ).

Criada em 1993 por Altino Cristofoletti Junior e Expedito Eloel Arena, a Casa do Construtor completa 20 anos de mercado. A rede de franquias para locação de equipamentos direcionados à Construção Civil teve início como uma simples loja de materiais de construção, em Rio Claro, interior de São Paulo, e hoje possui 200 unidades localizadas por todo o Brasil.

Nelas, construtoras, empresas, condomínios e pessoas comuns que estejam executando uma obra ou reforma podem locar equipamentos de pequeno e médio porte, como ferramentas elétricas, rompedores, compactadores, betoneiras e andaimes, além de equipamentos para limpeza e jardinagem.

A Rede recebeu inúmeros prêmios nos últimos anos, inclusive como a “Melhor Franquia do Brasil”, em 2012, pela Associação Brasileira de Franchising (ABF). No mesmo ano, na categoria “serviços gerais”, ganhou como a “Melhor Franquia do Brasil”, pela revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios. A Casa do Construtor encerra 2013 com faturamento de R$ 137,5 milhões e a previsão para 2014 é de R$ 180 milhões. O objetivo da Rede é atingir a marca de 1.000 unidades até 2020.