Amor aos Pedaços adere aos quiosques para expansão da rede

Em seu novo projeto de expansão, a rede oferecerá pontos de venda adaptados para espaços físicos menores, indicados para locais que não comportam uma loja convencional. Ivani Calarezi, fundadora e CEO da empresa, explica que o formato com aproximadamente 20 metros quadrados será uma nova oportunidade de negócio com grande potencial de crescimento.  Mais uma opção de investimento para as pessoas que desejam se tornar um franqueado da Amor aos Pedaços.

Este modelo de ponto de venda terá a linha de produtos igual ao das lojas convencionais e o investimento inicial para um franqueado deste formato será de cerca de R$ 250 mil, incluindo a taxa de franquia. Segundo Ivani, a nova opção tem como objetivo acelerar ainda mais a expansão da marca pelo País. O primeiro quiosque da rede está previsto para ser inaugurado no segundo semestre de 2014.

A empresa, que completa em junho 32 anos de sucesso, está em franco processo de expansão, acompanhando o crescimento do mercado de franquias. Atualmente, a rede de doçarias possui mais de 65 lojas espalhadas pelo Brasil, distribuídas por São Paulo, Paraná, Distrito Federal, Bahia, Pará, Sergipe, Florianópolis, Pernambuco e Mato Grosso do Sul.

Atualmente a Amor aos Pedaços possui lojas nos principais shoppings, ruas e avenidas centrais de cada região onde a marca está presente. A rede oferece aos franqueados dois modelos de lojas: a de Rua, com área média de 70 m² e de Shopping com área média de 36 m² e mezanino.

Marca já consolidada no mercado, a Amor aos Pedaços apresenta diferenciais que proporcionam mais segurança e estrutura para aqueles que desejam investir em uma franquia da marca: Assistência de Pré-Inauguração – escolha e negociação do ponto, elaboração de projeto, acompanhamento da instalação e montagem, treinamento da equipe, suporte de marketing para divulgação da loja, Assistência de Pós Inauguração, Loja Escola, Consultoria de Negócio e Apoio de Marketing.

Um dos grandes diferenciais da Amor aos Pedaços é a inovação constante em produtos e campanhas sazonais, como o Verão, Temporada de Chocolate, o tradicional Festival do Morango e a mais recente criada pela Rede, o Festival dos Países, que faz uma homenagem às seleções que participam da maior competição de futebol do mundo que acontece no Brasil. Além das Temporadas, a marca também aposta em datas comemorativas como o Dia das Mães, Dia dos Namorados, Páscoa, Natal, entre outras. Produtos especiais como 0% de açúcar, sem glúten e sem lactose, estão sempre presentes no cardápio.

:::Saiba mais sobre a franquia Amor aos Pedaços:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Bibi comemora 65 anos em plena expansão e com novos produtos

A Calçados Bibi, que tem sede em Parobé (RS), completa 65 anos com números que impressionam. Seus produtos estão presentes em mais de 65 países dos cinco continentes, além de serem  encontrados em mais de cinco mil pontos de venda no Brasil e nas mais de 60 franquias da marca.

Com duas instalações fabris (Parobé – RS e Cruz das Almas – BA), a Bibi tem orgulho de ser a primeira empresa nacional a fabricar calçados infantis no Brasil. Hoje, são produzidos cerca de 3.3 milhões de pares/ano.

Como diferencial, a marca de calçados infantis é pioneira e líder em desenvolver produtos a partir de pesquisas e estudos científicos. Por causa disso, ganhou reconhecimento do setor a partir do trabalho que desenvolve com os calçados fisiológicos e no emprego de tecnologia Fisioflex Bibi – sempre enfatizando saúde, conforto/diversão e bem-estar do seu público-alvo: as crianças.

Como parte das comemorações de seu 65º aniversário, a Bibi lança o APOLLO 65: o novo tênis com luz da marca. O tênis vem com luz de LED na parte de trás e um minifoguete lateral que piscam quando a sola toca o chão. Tudo isso com sistema blindado para garantir maior durabilidade. O solado tem design arrojado e moderno, dando estabilidade na pisada e amortecimento de impacto, ou seja, papais e mamães podem ficar despreocupados porque a viagem para o espaço será segura.

O Apollo 65 ainda possui outros atributos, como um cabedal de fácil limpeza, velcro para facilitar o calce dos pequenos, além de ser feito com materiais tecnológicos que proporcionam liberdade e auxiliam na transpiração.

:::Saiba mais sobre a franquia Bibi Calçados:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Cachos e cabelos crespos viram novo negócio para franchising

O mercado de beleza é um dos mais aquecidos do Brasil. E não é segredo que uma das paixões nacionais , especialmente das mulheres, é cuidado com o cabelo. Pesquisas apontam que as brasileiras são as que mais gastam tempo e dinheiro com as madeixas, tanto que chegam a investir uma média de R$ 125 mensais no estética capilar.

De olho no crescimento desse mercado, a Lunablu, rede de salões especializados em cabelos crespos e cacheados, resolveu apostar no franchising como forma de expandir seus negócios. A marca, que está presente no mercado desde 2009, conta com um conceito diferenciado e inovador, que integra serviços e produtos desenvolvidos exclusivamente para os cabelos afro. Entre os diferenciais oferecidos pela marca estão o corte a seco, cacho a cacho, o relaxamento Lunasoft e outros tratamentos.

Os empreendedores podem optar por abrir lojas de 100m² ou 200m². O modelo de negócio foi desenvolvido para ser instalado em cidades com população mínima de 300 mil habitantes, com foco nas classes B e C. A rede atualmente tem lojas em São Paulo e no Rio de Janeiro e prevê expansão de forma otimista: quer alcançar 30 unidades no primeiro ano de atuação como franquia.

Para os interessados no negócio, o mercado se mostra bastante promissor. Pesquisas apontam que cerca de 70% dos brasileiros tem cabelos cacheados, ondulados ou crespos. Segundo Soraia Ferretti, fundadora da rede, as mulheres estão cada vez mais em busca de produtos e soluções que as ajudem a cuidar do visual natural dos fios. “A valorização dos cachos e de tratamentos que mantenham os cabelos saudáveis é uma tendência que vem ganhando cada vez mais força no Brasil, pois a procura por alisamentos e outros tratamentos químicos agressivos, que danificam a estrutura dos cabelos, tem sofrido uma redução gradual e significativa no mercado”, afirma.

A Lunablu é uma das precursoras no desenvolvimento de produtos para os cabelos cacheados e crespos. A rede conta em seu portfólio com produtos e serviços exclusivos, desenvolvidos especialmente para atender as necessidades do cabelo afro. Além disso, todos os cosméticos criados pela marca são biodegradáveis e usam ingredientes 100% naturais.

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Jani-King, franquia de limpeza, fatura com a Copa

A mega operação será realizada pelas equipes dos franqueados da marca em Manaus, Natal, Rio de janeiro, São Paulo e Salvador, com o suporte do escritório corporativo. Os mais de dois mil colaboradores envolvidos no trabalho dos cinco estádios  e outros espaços de apoio estão recebendo treinamento comportamental, de serviços hoteleiros e técnicas de limpeza em estádios.

“A vantagem de sermos uma marca globalizada nos proporciona o intercambio contínuo de informações e experiências. Em nível mundial, a Jani-King já participou como limpadora oficial dos Jogos Olímpicos de Sidney, Olimpíadas de Inverno de Montreal, além de prestar serviços em grandes estádios norte-americanos, incluindo o Dallas Cowboy, o maior estádio coberto do mundo”, explica Christian Rojas, diretor de operações da Jani-King Brasil. “Sem dúvida, este foi o nosso grande diferencial para a conquista desses contratos, além da sólida experiência dos nossos franqueados que estarão à frente do trabalho”.

Nas seis cidades os trabalhos serão realizados pelos franqueados locais da Jani-King, sendo que em algumas cidades como Rio de Janeiro estarão atuando diversos franqueados em pool. O escritório corporativo estará presente coordenando e fornecendo o suporte técnico necessário.

JANI-KING iniciou suas atividades em 1969, nos Estados Unidos. Conta, hoje, com mais de 11 mil franqueados que atendem a dezenas de milhares de clientes com o apoio de mais de 100 escritórios regionais, em todo o mundo. Com sede em Dallas, no Texas, a empresa trabalha focada em estratégias de longo prazo com o objetivo de assegurar a continuidade de relação com seus clientes e franqueados.

Presente no Brasil desde 1991, com escritórios de apoio no Rio de Janeiro e São Paulo, a empresa tem 60 franqueados que atendem a mais de 1.500 clientes e todo o país.

Pão To Go oferece modelo walk-thru

Em apenas um ano de atuação a Pão To Go já tem mais de 120 unidades comercializadas – inclusive para o exterior – e um faturamento estimado em R$ 3,2 milhões, sendo que prevê um pulo para mais de R$ 40 milhões em 2014. Com o crescimento da marca, o empresário Tom Ricetti lança um novo conceito de negócios: o de padaria walk-thru. Com foco em grandes capitais e regiões metropolitanas, o modelo foi desenvolvido para ser instalado dentro ou próximo a estações de trem, metrô, terminais rodoviários e de calçadões. “A ideia de desenvolver uma padaria walk-thru surgiu quando percebemos a necessidade de um atendimento no fornecimento de produtos para o pessoal que está de passagem em locais de grande circulação”, conta Ricetti.

O objetivo é implantar quiosques nesses locais para as pessoas comprarem pães e outros itens, sem precisarem entrar na loja. É uma alternativa ao conceito inicial da rede, de drive-thru, em que o cliente compra os produtos sem sair do carro. “Nossa essência é de uma padaria de baixo custo e fácil operação. Em ambos os modelos de negócio, o nosso principal produto é a rapidez e a conveniência”, reitera.

Os quiosques têm 16 metros quadrados e precisam de um espaço próprio para manter o estoque. O investimento total para esse modelo é de R$ 125 mil. A primeira unidade do modelo deve ser inaugurada em menos de um mês, em frente à estação Ana Rosa do Metrô, na capital paulista.

A franquia trabalha com itens básicos, tendo, em média, 130 produtos comercializados, como pão francês, pão de queijo, frios, leite, manteiga, refrigerantes, sucos, café, água, balas e cigarro. Grandes marcas, como Coca-Cola, Kibon e Sadia figuram entre os parceiros da rede.

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Homens do sudeste são os mais interessados em abrir uma franquia

A partir de uma base de 6 mil cadastros recebidos em 2013, a loja de franquias Franchise Store traçou um perfil dos candidatos que se interessam em investir em uma franquia. Esses registros permitem saber quem são e onde estão estes investidores, quanto pretendem investir e em qual segmento. 

“Existem hoje opções de negócio para todos os gostos e bolsos, por isso o perfil dos franqueados fica cada vez mais diversificado”, afirma Filomena Garcia, sócia-diretora da Franchise Store. “Mas hoje o tipo de franqueado mais procurado pelas marcas são os gestores profissionais, que são qualificados, bem informados e costumam ter experiência em gestão.”

Dentre os registrados, 54% dos candidatos são homens, enquanto as mulheres somam os 46%. Por mais que muitas redes queiram expandir para fora do centro urbano do país, a região Sudeste ainda concentra o maior número de interessados, 49,5%. O Nordeste vem em seguida com 16%, o Sul com 14%, o Centro-Oeste com 12% e o Norte tem o menor número desse público, 8,5%.

Além de interessados, o Sudeste também apresenta as melhores oportunidades para quem quer investir em franquias. O CEBRAC, rede com 148 escolas voltadas a cursos profissionalizantes, realizou mapeamento sobre as melhores praças disponíveis no Brasil e constatou que os estados de São Paulo e Rio de Janeiro são os que detêm as melhores oportunidades.

A pesquisa também aponta excelente potencial para investimentos no Nordeste e no Rio Grande do Sul. Uma marca que comprova grandes oportunidades e aposta no Nordeste é a Minds Idiomas, que foca seu crescimento na região por ser um mercado promissor para o setor. “Nosso intuito é crescer na região, por isso pretendemos ganhar mais espaço e se consolidar no mercado nordestino. Atualmente, temos 18 unidades nessas cidades com planos de abertura de mais 10 escolas nesta mesma região até 2019”, afirma Leiza Oliveira, fundadora da marca.

Entre os interessados em abrir uma franquia, 28% possuem um capital disponível entre R$ 101 mil a R$ 250 mil. Outros 25,5% possuem um valor disponível R$ 50 mil, capital para abrir uma microfranquia, por exemplo. Apenas 6% dos registrados têm um capital acima de R$ 1 milhão.

Outro fator que define o perfil de quem procura uma franquia é o segmento. De acordo com os dados da Frachise Store, o setor de Beleza e Saúde foi o mais buscado no ano passado. Um dos exemplos é a rede de franquia odontológica Ortodontic CenterA marca irá implantar sua centésima loja no Brasil com a inauguração da primeira unidade na capital paulista. “Fizemos uma pesquisa interna e constatamos que apenas 5% dos brasileiros vão ao dentista anualmente. Por isso, é de suma importância disponibilizar tratamento odontológico de qualidade em diferentes regiões do País”, explica o sócio fundador, Fernando Massi.

O segmento de alimentação, que tem o maior número de marcas no franchising, foi o segundo mais procurado. Entre as marcas que decidiram investir neste setor, a Los Paleteros vem ganhando espaço no mercado com as famosas paletas mexicanas, que viraram febre nacional. Hoje, a marca possui 30 unidades nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul. A rede pretende fechar o ano com 62 lojas em operação em diferentes cidades.

O Franchising é um dos mercados que mais crescem no Brasil. Nos últimos dez anos, o número de unidades franqueadas no país chegou a mais de 114 mil, segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF). Mais de 2.700 redes já usaram o franchising como sistema de expansão, tanto nacionais quanto estrangeiras, e criam cada vez mais oportunidades de negócios no país.

Perfil de quem tem interesse em comprar uma franquia (a partir de uma base de cerca de 6.000 cadastros recebidos em 2013 pela Franchise Store):

Sexo

Masculino – 54%

Feminino – 46%

Regiões

Sudeste – 49,5%

Nordeste – 16%

Sul – 14%

Centro-Oeste – 12%

Norte – 8,5%

Capital disponível para investimento

Até R$ 50 mil – 25,5%

De R$ 51 mil a R$ 100 mil – 22,5%

De R$ 101 mil a R$ 250 mil – 28%

De R$ 251 mil a R$ 500 mil – 13%

De R$ 501 mil a R$ 1 milhão – 5%

Acima de R$ 1 milhão – 6%

Setores mais procurados

1. Beleza, Saúde e Produtos Naturais

2. Alimentação

3. Cafeteria e Confeitaria

4. Vestuário

5. Calçados

6. Serviços

7. Educação e Treinamento

 

Fórmula Academia recebe visitantes na ABF Franchising Expo 2014

A Fórmula Academia se prepara para receber os visitantes da 23ª edição da Feira de Franquias da Associação Brasileira de Franchising (ABF), que ocorre de 04 a 07 de junho nos Pavilhões Azul e Branco do Expo Center Norte, em São Paulo. A marca, que tem como sócios os empresários Alexandre Accioly, Luiz Urquiza, João Paulo Diniz e Luciano Huck participa pela 4ª vez da edição e dessa vez, apresenta o espaço Lounge de Negócios, o auditório onde serão exibidas palestras gratuitas sobre o tema “Modelo de Negócios da Fórmula Franquia”, além do espaço para os consultores receberem os visitantes, apresentarem o modelo de negócios e tirar as dúvidas sobre o assunto. O estande coorporativo possui 90m².

A Fórmula se destaca por ser uma academia completa, com instrutores qualificados à disposição para atender aos alunos na sala de musculação, além da variedade de aulas coletivas ministradas por profissionais e equipamentos importados de última geração da marca Life Fitness. Atualmente, a marca conta com 26 academias e até o fim de 2014 estão previstas pelo menos mais 18 unidades totalizando 44. No dia 04 de junho, o estande da Fórmula recebe a visita dos empresários e sócios Alexandre Accioly, Luiz Urquiza e João Paulo Diniz, além do diretor-geral da rede Fórmula – Mário Esses.

De acordo com Mario Esses, o modelo de negócios é o segredo do sucesso da marca que, cresce principalmente através das franquias em cidades como Sorocaba, Campos e Feira de Santana. “Esse é um dos principais motivos que fez com que a marca se consolidasse no mercado, principalmente de franquias. O modelo de negócio da Fórmula oferece uma academia completa, com excelente custo-benefício para os clientes.”, afirma.

Um grande diferencial do modelo de negócio é o fato de o franqueado não precisar comprar os equipamentos da academia – que são alugados da franqueadora e substituídos sem custos adicionais a cada cinco anos – reduzindo consideravelmente o investimento do franqueado, além de todo o know how da Bodytech Company em tecnologia e serviços. 

De acordo com Fernanda Campos, franqueada da academia de Cuiába, foi através de uma pesquisa que ela percebeu que a região tinha uma demanda carente no setor fitness com esse padrão de excelência que a Formula oferece. “A região precisa de um espaço com esse conceito: low cost low price, com os melhores equipamentos, um serviço altamente qualificado e o melhor, com preço acessível”, diz a empresária.

Outro destaque, é que além da parte ergométrica com esteiras, a rede oferece uma grade completa com diversas modalidades de aulas coletivas como localizada, mat-pilates, alongamento e indoor cycle, sempre com o acompanhamento personalizado de profissionais altamente capacitados em todas as áreas da academia.

Segundo dados recentes da IHRSA, órgão acreditado mundialmente pelo segmento, a Bodytech Company está entre as 20 maiores empresas do setor de fitness no mundo no critério faturamento e a primeira na América Latina. Em 2012, foram R$ 230 milhões. Em 2013, o faturamento foi de R$ 330 milhões. Para 2014, a previsão é de R$ 430 milhões.

Jiva busca parceiros em diversas regiões do Brasil

A Jiva – especializada em soluções de gestão empresarial para pequenas empresas – continua sua expansão da rede de franquias, que comercializam e implantam sua solução de gestão em todo o país. A companhia planeja contar com 60 unidades até o final de 2016 e este ano está bastante focada na expansão nos estados da Bahia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul e São Paulo.

Valdir Peixoto, gerente de expansão de franquias da Jiva, lembra que a companhia acabou de conquistar uma nova unidade na região metropolitana de São Paulo, que após a inauguração vai atender o entorno do ABC, mas ainda há espaço para mais. “São Paulo tem o maior PIB do País, por isso planejamos ter mais cinco unidades no estado até o meio do ano que vem”, afirma, lembrando que a Jiva tem foco imediato nas cidades de Bauru, Baixada Santista, Presidente Prudente e São José dos Campos.

O mesmo ocorre com o Sul de Minas, no qual a empresa quer marcar presença o mais rápido possível, por se tratar de uma região de extrema importância estratégica. Outro local que deve ter um novo parceiro anunciado em breve é Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, onde as negociações estão bastante adiantadas. “Em Salvador também acabamos de assinar uma parceria e a nova unidade deverá estar em funcionamento nos próximos 60 dias”, revela.

O Paraná é outro estado estratégico. Por conta disso, a Jiva está estudando o credenciamento de um parceiro em Curitiba e já adianta que a região metropolitana tem capacidade para receber de duas a três franquias. No mesmo ritmo, Cascavel, Londrina e Maringá também devem contar em breve com uma unidade da empresa.

Valdir Peixoto destaca que o modelo Jiva tem como base, além de uma solução de gestão empresarial testada e aprovada por centenas de clientes, uma metodologia que leva as melhores práticas da Administração para as pequenas empresas. Ele lembra que, para este plano de ampliação a Jiva, busca empreendedores com bom relacionamento em seu local de atuação, sobretudo com o mercado de pequenas empresas, além de alguma experiência e afinidade com a área administrativa e de gestão. “Nossos franqueados devem se dedicar integralmente ao negócio Jiva”, explica.

O investimento para a implantação de uma franquia Jiva é de aproximadamente R$ 80 mil entre taxa de adesão e custos com a instalação, mais cerca de R$ 70 mil para capital de giro. A previsão de retorno sobre o investimento é de até 24 meses. “Temos um modelo muito atrativo para os franqueados, oferecendo um mix entre receita proveniente de venda de licença de uso, serviços de implantação, capacitação e receita recorrente mensal oriunda dos contratos de manutenção”.

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

QG Jeitinho Caseiro inaugura mais uma franquia

A rede de alimentação goiana QG Jeitinho Caseiro abriu mais uma loja franqueada, com a instalação de uma unidade no Shopping Passeio das Águas, o maior centro de compras do Centro-Oeste brasileiro. A loja oferece todos os itens do cardápio das demais lojas da rede, como grelhados, saladas, sanduíches e pastéis. A primeira unidade do QG da região Norte de Goiânia é também a primeira a funcionar com estrutura diferenciada de cozinha industrial, um projeto que a rede executará em todas as próximas lojas a serem inauguradas.

Segundo o diretor de marketing e expansão do QG Jeitinho Caseiro, Guilherme Carvalho, o projeto foi elaborado visando principalmente a eficiência no atendimento. “É cada vez maior o número de pessoas que optam se alimentar nos restaurantes. Elas buscam uma refeição de qualidade, assim como a de casa, mas, ao mesmo tempo, precisam de uma opção rápida em função da rotina agitada. Essa mudança de hábito dos brasileiros se reflete diretamente na mudança de postura das empresas e é o que estamos fazendo para suprirmos sempre a demanda dos clientes”, afirmou.

O novo modelo de cozinha industrial do QG Jeitinho Caseiro contempla ilha central para manter alimentos em temperatura de 80°C. Das seis bocas do fogão, quatro ficam ocupadas em tempo integral com produtos que são preparados continuamente, como purê, feijão de caldo, feijão tropeiro e arroz, enquanto as outras duas ficam livres para a preparação de molhos para os estrogonofes e parmegianas, e outros pratos do cardápio. A intenção é reduzir o tempo de preparo em média em 10 minutos, e adquirir mais praticidade para os funcionários e agilidade no atendimento aos consumidores.

Além da loja do QG Jeitinho Caseiro no Shopping Passeio das Águas, a previsão é de abertura de outras 7 lojas este ano, na capital e no interior goiano. A rede irá inaugurar ainda mais uma loja no Estado de Tocantins e no Distrito Federal, um crescimento em relação a 2013 de 43,47% em número de franquias: totalizando 33 lojas em operação até dezembro e mais 200 novos postos de trabalho.

Junto às inaugurações, o processo de revitalização continua nas lojas já existentes. A exemplo do que já foi realizado nas unidades do Flamboyant Shopping Center e Araguaia Shopping, as lojas do Buriti Shopping e Goiânia Shopping recebem melhorias em suas estruturas e serão adaptadas para receberem também o novo projeto de cozinha industrial. 

:::Saiba mais sobre a franquia QG Jeitinho Caseiro:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Cultura Inglesa chega à Região dos Lagos, no Rio de Janeiro

Considerada uma das principais instituições de ensino de línguas do Brasil, a Cultura Inglesa S.A. inaugura em agosto a sua primeira franquia na Região dos Lagos. Localizada no centro de Cabo Frio, a unidade já está com a secretaria aberta ao público para tirar dúvidas e fazer as matrículas dos interessados.

Com 80 anos de existência e mais de 60 mil alunos, a Cultura Inglesa quer investir na região e prevê novas escolas nos próximos meses “O sistema de franquias permite que ampliemos a nossa atuação mantendo a qualidade e a seriedade do nosso trabalho. A expectativa é que, além de Cabo Frio, Maricá e Rio das Ostras recebam unidades em breve”, afirma Maria Lucia Willemsens, diretora superintendente da rede.

A Cultura Inglesa, inclusive, é uma das mais recentes integrantes da Associação Brasileira de Franchising (ABF), entidade que regulamenta o mercado de franquias no Brasil. A escola associou-se à organização com o objetivo de promover, ampliar e fortalecer a sua presença nos territórios em que atua: Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Tocantins.

Além dos cursos de inglês para crianças, adolescentes e adultos, os moradores de Cabo Frio terão acesso aos programas de intercâmbio internacional organizados pela Cultura Inglesa e que reúnem lazer e o aprendizado da língua em países como Inglaterra, Estados Unidos e Canadá. 

A nova filial fica na Av. Teixeira e Souza, nº 1.163, Lojas 5 a 7 – Centro. Informações: (22) 2643-0295

:::Saiba mais sobre a franquia Cultura Inglesa:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Grupo Prepara lança rede de idiomas

O Grupo Prepara, que atua com franquias na área de educação, lança sua primeira rede voltada exclusivamente ao ensino da língua inglesa. Depois de dez anos oferecendo cursos profissionalizantes e de dois anos no segmento de complemento escolar, o Grupo Prepara decidiu expandir os negócios e lança a English Talk.

A nova marca, que recebeu investimento inicial de R$ 10 milhões, tem uma proposta totalmente inovadora. A English Talk desenvolveu uma metodologia brasileira de blended learning, um novo modelo educacional adotado por instituições de ensino em todo o mundo que personaliza a educação aos alunos e contribui com a melhora de resultados alcançados com o estudo.

A metodologia da English Talk  faz uma integração perfeita entre as plataformas on-line e off-line. A parte tecnológica foi desenvolvida em parceria com engenheiros do ITA. Especialistas da USP em e-learning , pedagogia e tecnologia da educação também fizeram parte do projeto que levou mais de 18 meses até o lançamento da marca.   

A expectativa do Grupo Prepara é que, até o final do ano, 50 franquias sejam vendidas. A meta é ter 100 unidades em operação já em 2015, quando a English Talk deverá faturar cerca de R$ 20 milhões. O Grupo Prepara, prevê faturar, em 2014, com suas duas redes em operação – a Prepara Cursos e Ensina Mais Complemento Escolar –, R$ 297 milhões, 30% a mais do que no ano passado.

Para lançar a English Talk, o Grupo Prepara investiu em recursos tecnológicos, produção de conteúdo, ações de marketing e abertura de uma unidade piloto em São Paulo. “A nossa entrada no mercado de idiomas beneficia a franqueadora, pois possibilita incremento da nossa receita e fortalece o Grupo”, diz o presidente do Grupo Prepara, Rogério Gabriel.

E completa: “Os franqueados da Prepara Cursos e da Ensina Mais também ganham com os investimentos que estamos fazendo em tecnologias, novos conteúdos e recursos de interação com o idioma”. As duas marcas do Grupo que hoje estão em operação já oferecem curso de inglês para crianças e jovens em início de carreira. 

A inovação também está no projeto arquitetônico das franquias da English Talk. Elas tem estrutura de coffee shop e espaços de coworking temáticos, o que contribui para que os alunos, principalmente, executivos e universitários, possam praticar o idioma em aulas de conversação e eventos de imersão, como se estivessem em um ambiente no exterior.

A English Talk adota as melhores práticas de interação presencial entre alunos e professores, combinadas com a entrega de conteúdo interativo on-line, games e aplicativos para treinamento. São diversos recursos de socialização e colaboração, como uma rede social própria para treinar o idioma e promover fóruns com alunos e professores. Todas essas iniciativas completam o ciclo da metodologia blended learning de tecnologia desenvolvida pela própria marca.   

Para Rogério Gabriel, o momento é um dos mais propícios para investir em educação. “Neste segmento, o mercado de idiomas tem muita oportunidade no Brasil”, afirma. Os números comprovam este cenário promissor. Pesquisa do Data Popular de 2013 mostra que, no Brasil, apenas 5,1% da população de 16 anos ou mais afirma possuir algum conhecimento no idioma inglês. Para o próximo ano (2014), 9% das pessoas de 16 anos ou mais afirmaram que pretendem iniciar um curso de inglês.

Outro dado interessante proveniente do mesmo instituto é que, em 2011, havia 5,9 milhões de escolas de idioma formalizadas no Brasil. Apesar disso, o ranking mundial da proficiência em inglês dos trabalhadores mostra que o Brasil está no bloco dos países mais fracos.

A English Talk será a terceira microfranquia do Grupo, que já detém as marcas Ensina Mais Complemento Escolar e Prepara Cursos, a maior rede de cursos profissionalizantes do país. Ambas estão entre as dez franquias que mais cresceram em 2013, segundo a Associação Brasileira de Franchising – ABF.

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Let’s Wok atrai empreendedores na ABF Franchising Expo 2014

 

Entre os dias 04 e 07 de junho ocorreu no Expo Center Norte a 23º edição da ABF Franchising Expo. Com expectativa de movimentar R$520 milhões em negócios, o evento recebeu cerca de 60 mil visitantes interessados em conhecer as franquias e adquirir um empreendimento próprio.

A Rede de Franquias Let’s Wok Culinária Saudável, recebeu muitos interessados ao apresentar seus conceitos no ramo de alimentação.

Com uma proposta de estilo de vida saudável, por meio de pratos que fogem da convencional salada e apresenta mais de 50 mil combinações de pratos ao consumidor. “A franquia oferece ótimas opções de alimentação saudável, rápida e principalmente saborosa”, afirma o sócio-fundador João Gomes.

Além dos atrativos para o consumidor final, a Let’s Wok oferece a seus franqueados amplo suporte, que vão desde a realização do plano de negócios, treinamento e procura de fornecedores locais para que as refeições servidas sejam sempre frescas e com a qualidade que o público merece, além de, é claro, visar a maior lucratividade do franqueado. A rede de franquias, conta também com um modelo operacional simples, utilizando uma média de 9 funcionários em suas unidades, que se dividem em apenas duas funções, caixa e wokman.

Com um plano de expansão de 50 unidades até 2018, a rede busca aumentar seus negócios não somente em cidades do interior, mas também em capitais como São Paulo e Rio de Janeiro. ‘Nosso mapeamento indica grandes oportunidades em todo território nacional, temos como objetivo nos tornar presente em cidades de todos os portes’, explica João Gomes.

A estratégia principal da marca é reforçar ainda mais sua identidade e se firmar no modelo de fast food de culinária saudável.

Segundo levantamento da Associação, o setor faturou, em 2013, R$115 bilhões, o que representa um crescimento de 11,9% em relação ao ano anterior. A previsão para 2014 é de manter o crescimento na casa dos dois dígitos. A entidade estima que o faturamento do setor deverá crescer 10% esse ano.

:::Saiba mais sobre a franquia Let’s Wok:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Apex-Brasil apresenta programa de internacionalização de franquias

O “Seminário de Internacionalização”, umas das atividades que a ABF oferece durante a ABF Franchising Expo, reuniu cerca de 100 pessoas no Auditório Jaçanã 1, no primeiro dia de realização da Feira, e abordou a importância e as dificuldades da internacionalização de franquias.

Juarez Leal, gerente de internacionalização da Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos), falou sobre os prós e contras de internacionalizar uma marca e apontaram soluções para os principais problemas. A Apex também aproveitou a oportunidade para apresentar o “Programa de Internacionalização de Empresas”, que tem como objetivo principal assessorar os empresários na expansão de seus negócios para outros países. 

Nesta ocasião, também foi apresentado o “Inter-Com” (Programa de Internacionalização e Competitividade da Apex), em que a ABF vai lançar uma ação especifica voltada para franqueadores. Aos interessados, a Apex fornecerá atendimento individualizado sobre o projeto durante o evento.

O case de sucesso da rede Chilli Beans, rede brasileira de óculos e acessórios, foi destaque no Seminário. Caito Maia, fundador da marca, apresentou a história da empresa e as suas estratégias de expansão no exterior. Atualmente, a marca possui 600 lojas e quiosques, sendo que 36 unidades estão espalhadas em seis países: Israel, Kuwait Colômbia, Portugal, Peru e Estados Unidos. 

Franqueadores comentam a participação na ABF Franchising Expo

Com um stand de 216 metros quadrados e 12 coexpositores, a loja de franquias Franchise Store marcou presença na ABF Franchising Expo 2014. Os franqueadores que participaram do evento – alguns estiveram na feira pela primeira vez – se mostraram satisfeitos com a qualidade do público que visitou o espaço e explicam quais características buscam em um franqueado.

A Gracom, escola de efeitos visuais com unidades no Nordeste, em sua primeira exposição na feira buscou a oportunidade de expandir para o Sudeste e Sul. “Já participamos de outras feiras, mas a qualidade dos visitantes daqui é diferente, eles estão realmente interessados. Esperamos conseguir ter bons resultados e captar bons contatos”, comenta Indira Macena, Sócia da Gracom. “Buscamos candidatos que se interessem pelo negócio, gostem de educação e tenham disponibilidade para se dedicar à empresa”, completa Indira sobre o perfil de parceiros que procura.

Outra coexpositora novata foi a rede carioca Josefina Rosacor, loja de acessórios femininos que também pretende abrir unidades em São Paulo. “Participamos pela primeira vez da feira em busca de franqueados que se identifiquem com a marca e gostem de moda”, afirma Cesar Marassi, sócio da Josefina Rosacor.

A Coldwell Banker, imobiliária consolidada no mercado internacional e recém-chegada ao Brasil, também estava pela primeira vez na feira. “Nossa expectativa é a melhor possível, pela importância e visibilidade que um evento como este nos proporciona para novos negócios e boas perspectivas”, disse Jefferson Ramirez, vice-presidente da Coldwellbanker no Brasil.

Outra rede internacional que veio para o mercado de franquias brasileiro foi a Petland. “O Brasil ainda tem poucas opções no mercado de petshops e a Petland é uma das maiores redes do mundo neste segmento, por isso enxergamos uma grande oportunidade de crescimento no país”, diz Rodrigo Albuquerque, Sócio da Petland no Brasil.

A rede Spedini, de culinária italiana,esteve na feira pela 11ª vez. “A participação na feira traz a oportunidade de fortalecimento da rede e posicionamento no mercado”, diz Romano Fressato Neto, gerente comercial da Spedini. “De preferência, buscamos empreendores sem experiência no ramo, para que não venham com vícios de outros negócios”, comenta Fressato, sobre o perfil ideal do franqueado. 

Uma das maiores redes do mercado de gráficas do Brasil e do mundo, a AlphaGrafics já participou outras vezes da ABF Franchising Expo. Rodrigo Abreu, Sócio da marca no Brasil, diz que o principal objetivo na feira é atrair empreendedores com foco em inovação. “Procuramos por investidores com agressividade comercial. Um perfil corporativo que vá atrás do cliente. Alguém com ideias equilibradas entre o que dá dinheiro e o que vem de novo neste ramo”, explica Rodrigo.

O stand da Franchise Store ainda contou com a presença das redes SP Implantes, Centro Britânico, Planet Girls, Polo Wear, Onodera e NetCall Center.

Serviços de beleza se destacam na ABF Franchising Expo

Além dos numerosos stands do setor de alimentação, outro grupo de franquias chamou atenção na ABF Franchising Expo 2014: as marcas especializadas em um único tipo de serviço de beleza, como cuidados com as unhas, sobrancelhas ou depilação. Várias marcas que atuam neste segmento estavam presentes na feira.

Antes esses serviços costumavam ser oferecidos apenas em grandes salões de beleza. Agora, há um lugar para cada coisa. “É uma tendência fatiar os serviços para mulheres”, comenta José Américo da Silva Filho, Diretor da Cherto Atco.

Hoje em dia as mulheres andam mais ocupadas e com menos tempo para se dedicar à beleza, mas nem por isso deixam a vaidade de lado. A ideia destes espaços é, além de oferecer um serviço único, diminuir o tempo que levam para serem realizados. “No salão, ela gastaria muito e demoraria mais. Já nas franquias específicas, a mulher tem o serviço mais rápido e prático”, completa Filho.

O gerente de marketing da rede Spa das Sobrancelhas, Dimitri Duque, comenta sobre a ideia de montar a rede. “Os franqueadores já trabalhavam em salões de beleza e enxergaram uma maneira de ganhar mais e gastar menos. E sobrancelha é um serviço que tem grande demanda”.

Estas franquias têm diferentes níveis de investimento e exigência de tamanho de espaço. É possível investir desde um quiosque – que exige um capital inicial menor – até lojas para atender uma demanda de público maior.

Confira algumas franquias de serviços de beleza expostas na feira ABF Franchising Expo neste ano:

Cia das Unhas – investimento a partir de R$ 40 mil

Depilrica – investimento mínimo a partir de R$ 94.700 mil

D-Unhas – investimento a partir de R$ 118 mil

Spa das Sobrancelhas – investimento a partir de R$ 115 mil

ABF Franchising Expo 2014 tem público qualificado e bate a marca de 60 mil visitantes

Mesmo com os transtornos enfrentados pela cidade de São Paulo nessa semana, a ABF Franchising Expo 2014 recebeu cerca de 60 mil visitantes. De acordo com os expositores, o público foi formado por empresários, empreendedores e investidores altamente qualificados, o que na opinião dos organizadores, reforça ainda mais o desejo que o brasileiro tem de investir no próprio negócio. Ainda segundo a organização, já foram renovados cerca de 40% dos estandes para 2015, um percentual que supera o dos anos anteriores.

A agenda do evento contou com a presença de Will Morris, CEO da Informa Exhibitions, durante a abertura, no dia 4 de junho, que destacou a realização da ABF Franchising Expo como uma demonstração da força empreendedora dos brasileiros.

A coletiva de imprensa reuniu a diretoria da ABF e os principais meios de comunicação de economia e negócios para discutir as expectativas e o crescimento do franchising no Brasil. Também marcou presença na coletiva o lutador  Rodrigo Nogueira,o  Minotauro, do Instituto Irmãos Nogueira, braço social da Team Nogueira Franquias (TNF). O lutador de MMA é também o padrinho do Espaço Social da ABF Expo neste ano.

Já no segundo dia do evento, aconteceu a entrega do prêmio ABF-RDI Design de Estande. O prêmio é realizado anualmente pela ABF, em parceria com o Retail Design Institute, com o objetivo de estimular o design como ferramenta estratégica na criação e instalação de espaços diferenciados. As marcas Pandora (Categoria Estande Pequeno), Ana Capri (Categoria Estande Médio) e Ambev (Categoria Estande Grande) foram as redes contempladas com o troféu entregue pela diretoria da ABF.

As marcas Malwee Malhas, Cachaçaria Água Doce, TS Franquia e Ecojardim foram as redes que mais se destacaram por adotarem iniciativas sustentáveis em seus estandes, durante a 23ª ABF Franchising Expo 2014.

As empresas condecoradas receberam, durante o evento, o Prêmio ABF Estande Sustentável, entregue pela diretoria da Associação. O troféu também foi entregue, este ano, para as montadoras responsáveis pela preparação e adequação do estande. Além do reconhecimento, a chancela oferecida pela entidade valoriza a marca por agir em prol da preservação ambiental, destacando-a na Feira e na mídia.

Os franqueadores premiados receberam troféus pelas ações desenvolvidas no evento quanto à redução do consumo de água e de energia elétrica, ao controle na geração e manejo de resíduos, acessibilidade ao estande, utilização de matérias recicláveis ou reutilizáveis, diminuição de CO2, distribuição de brindes sustentáveis, diminuição do consumo de papel, dentre outras.

Durante a realização da ABF Franchising Expo 2014, a ABF ofereceu também cursos rápidos nos auditórios do Expo Center Norte. Os eventos paralelos tiveram como objetivo principal ampliar o conhecimento do público visitante sobre o atual mercado de franquias.

A próxima edição da ABF Franchising Expo já tem data marcada. Programe-se para visitar a maior Feira de franquias do mundo entre os dias 24 a 27 de junho de 2015, no Expo Center Norte, em São Paulo.

Outer. cresce 20% em 2013 e planeja expansão em regiões estratégicas

A Outer. Shoes – de calçados e acessórios femininos e masculinos – está em plena expansão. As franquias do segmento de Acessórios Pessoais e Calçados estão no foco do investimento no país e, em 2013, atingiram crescimento de 17,1%, segundo dados da Associação Brasileira de Franchising – ABF. Atualmente, com 12 lojas espalhadas pelo Brasil, a Outer. prevê inaugurar mais dois pontos de venda em agosto e chegar a 20 até o final do ano. Em 2013, a marca teve alta de 20% no faturamento em relação ao ano anterior.

Para os próximos cinco anos, a expectativa da Outer. é inaugurar mais 54 franquias, conquistando pontos nos principais shoppings localizados em capitais do país e no interior de São Paulo. “Um bom ponto comercial contribui muito para o sucesso do negócio. A entrada da Outer. em novos mercados com presença em shoppings já consolidados dá mais segurança e previsibilidade”, afirma Filipe Lamim, gerente de expansão da Outer. “Investimos muito tempo na formação de equipes de alta performance nas lojas, o que vem garantindo um crescimento muito satisfatório do  faturamento de nossas unidades”, completa.

Lançada em 2004, no Rio de Janeiro, a Outer. diferencia-se neste mercado em expansão com conceito urban outdoor, que tem como base uma integração da natureza com o modo de vida contemporâneo. A marca elabora produtos versáteis, autênticos e despojados, com design contemporâneo sempre buscando o uso de materiais novos, naturais – como o couro autêntico – e reciclados. “Nós vendemos muito mais que produtos, vendemos um conceito. Isso fica muito evidente nas nossas lojas e, sem dúvida, se traduz em resultado”, afirma Filipe.

Para os interessados, as franquias da Outer. Shoes são lojas com área de instalação de 30 a 45m². Trata-se de uma franquia acessível, com baixo custo de manutenção, onde o investimento inicial é de aproximadamente R$ 350 mil, incluindo taxa inicial de franquia, o custo de montagem da loja e o capital de giro. Além disso, o investimento para uma nova loja inclui custos com o ponto comercial, taxa de royalties de 25% sobre compras e a taxa de publicidade de 5% sobre compras. Segundo Filipe, o retorno do capital investido se dá a partir de 20 meses.

:::Saiba mais sobre a franquia Outer.shoes:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Em ano de incertezas, Franchising aposta no interior

Por Juliana Fernandes

                                                      Foto por Studio F

Mesmo em um ano complexo para a economia brasileira, a ABF Franchising Expo continua com a posição de maior feira de negócios em franquias do mundo. Por sua extensão, o Brasil tem regiões em pleno desenvolvimento e que anseiam em receber as marcas já consolidadas no mercado.

Segundo Cristina Franco, presidente da Associação Brasileira de Frachising (ABF), o interior é o principal foco das redes que estão em processo de expansão. Segundo a presidente, a saturação das capitais e a presença de indústrias nas cidades distantes destes centros urbanos atraem empresas que buscam conquistar novos territórios. Em geral, as marcas que migram para estas novas regiões  são voltadas para os públicos de classe C e D.

“Interiorização é um dos pilares estratégicos do franchising brasileiro”, afirma Cristina. Cidades do Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Nordeste e Mato Grosso são o foco de marcas que estão neste processo se expansão. O interior de São Paulo já vem passando por este crescimento há tempos. “O público destas cidades menores quer ter acesso às mesmas marcas que são consumidas pelas capitais”, completa a presidente.

O crescimento de rede de shopping centers nestas regiões também é um atrativo para a chegada destas marcas. As principais cidades do interior já contam uma rede de shoppings comparável a de algumas capitais.

Mercado atrativo 

O mercado brasileiro continua atraindo muitas marcas internacionais. Atualmente, 204 redes estrangeiras atuam país – o que compõe 7% no mercado de franquias. “Brasil, no franchising, é tendência”, disse Cristina na abertura da 23ª edição da ABF Franchising Expo, a respeito da visão estrangeira em nosso mercado, que hoje é o 4º maior do mundo em franquias. A previsão é de que mais 30 franqueadoras internacionais se instalem aqui até 2015.

Entre as redes brasileiras, 124 delas já atuam em outros países. Estas marcas estão ganhando espaço principalmente em países da África e da Ásia, além de já ter conquistado espaço no mercado Latino Americano.

Um desafio que o franchising brasileiro enfrenta neste ano é o evento da Copa Mundial da FIFA. O mês de junho é uma incógnita para o desenvolvimento de diversos setores. Segundo a ABF, alimentação e vestuário serão beneficiados com o aumento do fluxo de pessoas, mas outros provavelmente sofrerão uma queda em suas vendas.

Apesar da turbulência econômica e um evento que promete mexer com o mercado, o franchising no Brasil ainda vive um momento oportuno, e por sua imensidão, ainda há muito espaço para as redes de franquia conquistarem cada vez mais espaço e público consumidor.   

Setores de construção, imobiliária e presentes buscam expansão por todo o Brasil

O setor de Casa e Construção passou a englobar os segmentos de imóveis, construção, decoração e presentes. Neste ano há novidades entre as marcas expositoras deste grupo, que no ano passado creceu 13,4%, segundo dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF).

A Coldwell Banker é uma rede de Imobiliária já estabelecida no franchising internacional, mas recente no mercado brasileiro. Possui 20 unidades espalhadas por São Paulo, Paraná, Rio de Janeiro, Ceará e Distrito Federal e até o final do ano planeja mais 60 lojas. É a primeira vez que a rede participa da feira.

Já  consolidada no franchising brasileiro, a RE/MAX apresenta no evento seu novo programa de premiação aos corretores, o Clube RE/MAX. A rede pretende tingir a marca de 1000 franquias até 2018 no Brasil.

A rede Casa e Construtor, já com 200 unidades e 123 franqueados tem a meta de abrir mais 52 franquias a alcançar um faturamento de R$ 180 milhões.

No segmento de presentes, estarão expostas marcas como  a FOM, que apresenta um plano de expansão com um segundo ponto de venda em diversas cidades brasileiras; A Multicoisas, que tem a pretenção de atuar nos 26 estados brasileiros até 2018; E a  Origem da Fé, rede de artigos religiosos que passui um mix de mais de 10 mil produtos.

Veja a lista de algumas franqueadoras deste segmento que estarão na feira:

Casa do Construtor

Coldwell Banker

Concretta

FOM

Multicoisas

Origem da Fé

RE/MAX

Setor de serviços tem franquias com diferentes níveis de investimento

Serviços é um segmento que traz diversas oportunidades para quem quer investir em uma franquia. Isso porque existem desde as opções de microfranquias (exige menor capital do que as demais), até negócios de maiores níveis de investimento. Este setor engloba desde redes de gráficas, tecnologia até serviços de Buffet.

Algumas destas marcas estarão expostas na 23ª edição da ABF Franchising Expo. Confira as novidades que elas trarão para a feira neste ano:

 

 

  • AcquaZero – referência em inovação e qualidade nos serviços de estética automotiva, a rede apresenta franquias a partir de R$ 4.800,00. A rede se destaca, primordialmente, pela sustentabilidade e oferta de serviços inovadores que colaboram com a qualidade do meio ambiente e, além disso, agrada aos investidores pelas oportunidades rentáveis e atrativas que mantém em seu portfólio de negócios.
  • Antilhas –especialista no fornecimento de soluções em embalagens para o varejo. Leva para a Feira da ABF uma nova tecnologia que diferencia embalagens, principalmente no mercado Premium. Outra novidade que a Antilhas apresenta são as sacolas automáticas com fundo pounch. A empresa também apresenta um novo catálogo de acabamento, que com ampla oferta de customização
  • AlphaGraphics – apresente portfólio de soluções de impressão e comunicações personalizadas, desde serviços tradicionais até o universo de novas possibilidades de negócios, como soluções de e-commerce, agFoto e agBook, além de impressões em 3D.
  • Carto – Novata no evento, Carto concederá desconto de 50% na taxa de franquia para negócios concretizados a partir de contato na feiraFranquia atua num mercado inédito e em expansão: cartões private label – pós ou pré-pagos, vale-presente ou de fidelidade – para pequenos e médios varejistas organizarem e profissionalizarem suas operações.
  • Casa X – marca do grupo SMZTO Holding de Franquias, é uma rede de buffet de festa infantil com alto padrão de qualidade em atendimento, alimentação, entretenimento, inovação e segurança. Com um perfil de decoração dinâmico, a rede contará com parque de diversões, animadores de festas e buffet completo, além de ter a marca associada com a apresentadora Xuxa Meneghel.
  • Container Segurança – rede com mais de 80 franqueados, que oferece containeres feitos de aço para obras dos mais variados portes. Eles servem como almoxarifado, para guardar materiais diversos e ferramentas; escritório; banheiro e podem ser transportados numa carretinha puxada por um carro comum. Recentemente, três novos modelos foram lançados: Carreta Master, Container Montável e Banheiro de plástico.
  • Geofusion – líder no segmento de Inteligência Geográfica de Mercado, encerrou 2013 com um aumento de 45% de seu faturamento com relação ao ano passado. Um dos motivos que contribuiu para alavancar o crescimento da empresa foi o fato de ela ter recebido um aporte da Intel Capital no período.
  • Guia-se – Negócios pela Internet, rede de franquia em marketing digital, recebeu em abril o Selo de Excelência em Franchising pelo segundo ano consecutivo. Entre os objetivos da Guia-se para o evento, estão a divulgação da marca no mercado de marketing digital, aumento das vendas de franquias e o networking com outras redes de franchising.
  • HSBC Bank Brasil – oferece uma política de financiamento e produtos exclusivos para franquias e chega à ABF Expo com novidades. O banco ampliou o valor do financiamento de novas franquias para R$ 300 mil, para algumas redes parceiras, e aumentou o prazo de pagamento de 42 para 48 meses. Essas melhorias para os franqueados foram possíveis porque essas redes tiveram um desempenho positivo dentro do segmento de franquias no HSBC.
  • MacPoli – rede de franquias de escolas profissionalizantes que oferece 14 cursos voltados para diversas áreas do mercado de trabalho. Participa pela primeira vez da Feira e busca investidores de todas as regiões do país.
  • Mr.Kids – a franquia de vending machines leva um modelo de microfranquia que alia as facilidades do baixo investimento com a comodidade do homebased, No estande da rede, os visitantes também poderão conhecer as maquinas da Mr Kids e as novas linhas de produtos licenciados que serão lançados em breve.
  • Protezione – do grupo SMZTO Holding de Franquias, é uma rede de serviços de segurança eletrônica com tecnologias atuais e que coloca à disposição de pessoas e empresas as melhores soluções tecnológicas disponíveis.
  • Purific – empresa com sede em Maringá/PR, que produz purificadores de água que agem por gravidade, com índice de purificação de 99,99%. Possui 250 franquias e mais de 10 mil representantes comerciais que atuam em todo o país. Possui um forte compromisso com a segurança, saúde e praticidade e, para isso, investe constantemente em pesquisas e padrões de qualidade.
  • Studio Fiscal – especializada em serviços auditoria fiscal e planejamento tributário, capaz de assessorar empresas de todos os portes em qualquer setor. Possui franqueados em todas as regiões do País e pretende  expandir ainda mais sua marca. Para isso, abriu uma nova sede em São Paulo, com o fim de facilitar o acesso aos interessados em tornar-se parte dessa sociedade.
  • Vazoli Franchising – atua no segmento de serviços financeiros e intermediação de negócios (empréstimos e financiamentos) desde 2008. Com pouco mais de três anos no franchising,  a rede possui 87 unidades em diversos estados. Em 2014, o foco da franquia é a expansão de lojas em Minas Gerais e Rio de Janeiro. A Vazoli Franchising tem investimento inicial de até R$ 80 mil e por isso é considerada uma microfranquia.
  • Zupy! – estreante na feira, a marca atua no setor online e traz, de maneira eficiente, as informações sobre os estabelecimentos comerciais das cidades por meio de sua ferramenta, que permite a busca de uma forma rápida, simples e fácil. Trata-se de um guia completo e atualizado da web, que reúne tudo num único portal.