Casa do Construtor lança guia colecionável para os profissionais da Construção Civil

A Casa do Construtor, rede de franquias para locação de equipamentos direcionados à Construção Civil, com 20 anos de atuação no mercado, anuncia o lançamento de um guia colecionável, direcionado aos profissionais do mercado. Formado por quatro edições da revista da rede, o projeto reunirá dicas para as reformas mais comuns realizadas em residência, comércio e indústria, além de falar sobre segurança, produtividade e todas as fases de uma obra. Com distribuição nacional, a primeira edição será lançada no mês de março, nas unidades da rede de todo o Brasil. 

A primeira revista do guia terá 48 páginas e abordará o tema “Segurança na Construção Civil”. Com foco na melhor utilização e cuidados com os equipamentos comuns do setor, a edição ainda informará as mais importantes normas do mercado. “A ideia dos guias surgiu do sucesso das edições das revistas que lançamos no ano passado. Assim enxergamos que é possível ampliar ainda mais o relacionamento com nossos clientes e levar informação do mercado para quem mais necessita saber, no formato de um guia que pode ser consultado a qualquer momento”, afirma Altino Cristofoletti Junior, sócio-fundador da Rede. 

A segunda edição sairá em junho, com dicas para ajudar nas principais manutenções e reformas em indústrias, residências e comércios. Já a terceira sairá em setembro, com foco na produtividade e, ainda, um comparativo entre processos e equipamentos. O último guia do ano estará disponível a partir de novembro e mostrará novos dados sobre as principais fases de uma obra e o que fazer em cada uma delas. 

“Para 2014 nosso objetivo é atingir 1 milhão e 200 mil pessoas com estes guias e teremos 100 mil cópias para cada tema. Queremos mostrar que a marca Casa do Construtor também se preocupa em como o profissional pode se qualificar para ganhar seu espaço”, ressalta Cristofoletti Junior. 

Todo o conteúdo dos guias também será disponibilizado no site da Casa do Construtor – www.casadoconstrutor.com.br – a cada lançamento de edição.

:::Saiba mais sobre a franquia Casa do Construtor::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

São Paulo sediará o 1º Congresso Internacional de Franchising ABF

Em sua 1ª edição no Brasil, o Congresso Internacional de Franchising será realizado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), no Hotel Hilton, em São Paulo. O evento conta com o apoio da Cherto Consultoria, que auxiliou na organização e seleção de participantes. O evento, que ocorre entre os dias 24 e 25 de abril, contará com cases e painéis de grandes marcas brasileiras de franquias que proporcionarão aos participantes experiências que poderão ser aplicadas no dia a dia de suas redes.

CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER

 O evento reunirá cerca de 500 empresários e executivos do setor. “O Brasil ocupa lugar de destaque no cenário mundial – 3o colocado em número de marcas em operação – e é fundamental reunir as lideranças para compartilhar experiências”, afirma Cristina Franco, presidente da ABF.

 O objetivo da ABF com o Congresso é proporcionar aos empresários e executivos do setor, informações de ponta sobre gestão, marketing, processos e tendências de mercado. “Oferecemos com frequência oportunidades de atualização em ambas frentes – franqueador e franqueados. Esse Congresso em especial é voltado para o franqueador, mas nada impede que franqueados, fornecedores e parceiros do sistema participem”, explica Cristina. 

De acordo com a ABF, o setor de franchising cresceu 11,9% no ano passado e faturou R$ 115 bilhões. Mais de 2.700 marcas estão em operação no Brasil e o setor já é responsável por mais de um milhão de empregos diretos. Esses números chamam a atenção de investidores e também de entidades de franquia de outros países. Já estão confirmados para o Congresso representantes de 23 entidades internacionais. Entre eles: IFA, Federação Europeia de Franquias e Associação de Redes e Promoção de Franquias Taiwan.

Dentre os palestrantes internacionais, destaca-se Nir Kshetri, da Bryan School of Business and Economics dos Estados Unidos. Sua palestra será sobre Tendências e Desenvolvimento na Aplicação e Impactos do Big Data nas empresas. Também participarão do Congresso executivos internacionais do franchising como Brad Jacobs (The Coffee Club), Dave Buzza (Alphagraphics), Michel Cohen (Lolita), entre outros.

O evento contará ainda com painéis e apresentação de cases de sucesso de marcas nacionais, apresentados por empresários do porte de: Arthur Grynbaum (OBoticário); Mário Chady (Spoleto, Koni Store e Domino’s Pizza); Eloi de Oliveira (Flytour), Caíto Maia (Chilli Beans) e Jae Ho Lee (Morana, Balonê e Jin Jin).

Organizado e promovido pela Associação Brasileira de Franchising, o evento foi cuidadosamente elaborado para oferecer uma programação extremamente rica em conteúdo. Confira a grade abaixo.

24/04

Plenária: Tendência e desenvolvimento na aplicação e impactos do Big Data em Organizações: Nir Kshetri – Bryan School of Business and Economics (EUA)

Painel: Panorama do Franchising Brasileiro  Mediadora Fátima Turci Mário Chady do Grupo Trigo (Spoleto, Koni Store e Domino’s Pizza) Eloi de Oliveira da Flytour Caito Maia – Chilli Beans Jae Ho Lee – Grupo Ornatus (Morana, Balonê, Jin Jin)

Case do Franchising Brasileiro sobre Gestão de redes  Moderador: Juarez Leão Case O Boticário com Artur Grynbaum

Case do Franchising Internacional sobre Expansão de Redes

Plenária: A Vida que vale a pena Prof. Clóvis de Barros Filho

25/04 

Os Poderosos do Varejo Global – Uma visão sobre empresas líderes e tendências do mercado Reynaldo Saad da Delloite Brasil Painel: Panorama do Franchising Internacional Moderador: Marcelo Cherto Brad Jacobs – The Coffee Club Dave Buzza – Alpha Graphics Michel Cohen – Lolita

Plenária: “Este barco também é seu”   Capitão Michael Abrashoff

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising::

São Paulo sediará o I Congresso Internacional de Franchising ABF

Em sua 1ª edição no Brasil, o Congresso Internacional de Franchising será realizado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), no Hotel Hilton, em São Paulo. O evento, que ocorre entre os dias 24 e 25 de abril, contará com cases e painéis de grandes marcas brasileiras de franquias que proporcionarão aos participantes experiências que poderão ser aplicadas no dia a dia de suas redes.

O evento reunirá cerca de 500 empresários e executivos do setor. “O Brasil ocupa lugar de destaque no cenário mundial – 3o colocado em número de marcas em operação – e é fundamental reunir as lideranças para compartilhar experiências”, afirma Cristina Franco, presidente da ABF.

O objetivo da ABF com o Congresso é proporcionar aos empresários e executivos do setor, informações de ponta sobre gestão, marketing, processos e tendências de mercado. “Oferecemos com frequência oportunidades de atualização em ambas frentes – franqueador e franqueados. Esse Congresso em especial é voltado para o franqueador, mas nada impede que franqueados, fornecedores e parceiros do sistema participem”, explica Cristina. 

De acordo com a ABF, o setor de franchising cresceu 11,9% no ano passado e faturou R$ 115 bilhões. Mais de 2.700 marcas estão em operação no Brasil e o setor já é responsável por mais de um milhão de empregos diretos. Esses números chamam a atenção de investidores e também de entidades de franquia de outros países. Já estão confirmados para o Congresso representantes de 23 entidades internacionais. Entre eles: IFA, Federação Europeia de Franquias e Associação de Redes e Promoção de Franquias Taiwan.

Dentre os palestrantes internacionais, destaca-se Nir Kshetri, da Bryan School of Business and Economics dos Estados Unidos. Sua palestra será sobre Tendências e Desenvolvimento na Aplicação e Impactos do Big Data nas empresas. Também participarão do Congresso executivos internacionais do franchising como Brad Jacobs (The Coffee Club), Dave Buzza (Alphagraphics), Michel Cohen (Lolita), entre outros.

O evento contará ainda com painéis e apresentação de cases de sucesso de marcas nacionais, apresentados por empresários do porte de: Arthur Grynbaum (OBoticário); Mário Chady (Spoleto, Koni Store e Domino’s Pizza); Eloi de Oliveira (Flytour), Caíto Maia (Chilli Beans) e Jae Ho Lee (Morana, Balonê e Jin Jin).

Organizado e promovido pela Associação Brasileira de Franchising, o evento foi cuidadosamente elaborado para oferecer uma programação extremamente rica em conteúdo. Confira a grade abaixo.

24/04

Plenária: Tendência e desenvolvimento na aplicação e impactos do Big Data em Organizações Nir Kshetri – Bryan School of Business and Economics (EUA)

Painel: Panorama do Franchising Brasileiro  Mediadora Fátima Turci Mário Chady do Grupo Trigo (Spoleto, Koni Store e Domino’s Pizza) Eloi de Oliveira da Flytour Caito Maia – Chilli Beans Jae Ho Lee – Grupo Ornatus (Morana, Balonê, Jin Jin)

Case do Franchising Brasileiro sobre Gestão de redes  Moderador: Juarez Leão Case O Boticário com Artur Grynbaum

Case do Franchising Internacional sobre Expansão de Redes

Plenária: A Vida que vale a pena Prof. Clóvis de Barros Filho

25/04  Os Poderosos do Varejo Global – Uma visão sobre empresas líderes e tendências do mercado Reynaldo Saad da Delloite Brasil Painel: Panorama do Franchising Internacional Moderador: Marcelo Cherto Brad Jacobs – The Coffee Club Dave Buzza – Alpha Graphics Michel Cohen – Lolita

Plenária: “Este barco também é seu”   Capitão Michael Abrashoff

Spedini Trattoria Expressa quer abrir unidades em shoppings e hipermercados

A Spedini Trattoria Expressa, que completa duas décadas de atividades em 2014, planeja a abertura de ao menos oito novas unidades durante esse ano. O foco principal é o estado de São Paulo, onde a rede pretende abrir cinco lojas na capital e no interior, em cidades como Ribeirão Preto e Campinas. 

“Fortalecer a marca em São Paulo, grande centro econômico do Brasil, é uma preocupação permanente. Por essa razão, a expansão foca não somente a capital, mas também cidades do interior com sólida economia”, afirma Romano Fressato Neto, gerente comercial da Spedini.

Também estão nos planos do ano novas lojas no Rio de Janeiro, Belo Horizonte e em Florianópolis.

A rede, especializada em culinária italiana, atualmente conta com 23 unidades distribuídas em São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Paraná e Distrito Federal, quase todas instaladas em praças de alimentação de shoppings. Mas, também em 2014, a rede quer fazer dos hipermercados seu mais novo nicho de mercado.

A ideia é aproveitar a semelhança cada vez maior desses estabelecimentos com os shoppings para fincar bandeira e se expandir. A loja piloto nesse nicho está sendo instalada em Florianópolis, no Super Center Angeloni, uma das maiores redes de hipermercados da região Sul do país. Foram investidos cerca de R$ 450 mil na unidade de 42 m² que ficará na praça de alimentação do local.

“Para atrair clientes, as grandes redes de supermercados estão transformando suas lojas em verdadeiros centros comerciais, com academias, farmácias, salões de cabeleireiros, lotéricas e outros inúmeros serviços. A ideia é que o cliente não apenas realize as compras, mas que faça tudo em um só lugar, inclusive a refeição, o que torna esse tipo de estabelecimento atrativo para investirmos”, diz Fressato Neto.

De acordo com o executivo, “o formato semelhante ao de shopping também traz ao local um público parecido e muito significativo. Para essa loja piloto, a expectativa é de comercializar, no mínimo 160 pratos por dia”, afirma.

Em 2013, a Spedini, registrou faturamento de mais de R$ 24,2 milhões, valor 18,5% superior em relação ao ano de 2012. O investimento realizado para a abertura de uma unidade da rede é de cerca de R$ 430 mil, sem contar o ponto comercial. O faturamento médio mensal de uma franquia é de R$ 125 mil e a rentabilidade varia de 12% a 20%.

:::Saiba mais sobre a franquia Spedini:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Palestra gratuita em 03/04 para interessados em franquias de alimentação

A Franchise Store convida você para participar de uma palestra gratuita sobre o segmento mais importante do Franchising brasileiro: o setor de alimentação.

No dia 3 de abril, realizaremos um café da manhã no escritório da Franchise Store, em São Paulo, para apresentar a você:

– As principais tendências do setor de alimentação

– O desempenho das franquias que atuam nesse ramo

– Os modelos de negócio existentes na área

– As principais oportunidades para quem quer investir em uma franquia do ramo

Para se inscrever, basta ligar para (11) 3729-2093 ou mandar um e-mail para franchisestore@franchisestore.com.br. Confirme sua presença. As vagas são limitadas!

Palestra sobre franquias de alimentação

Data: 03/04/2014

Horário: Das 8h30 às 10h30

Local: Franchise Store – Avenida Paulista, 1337 – 11º andar

Inscrições: franchisestore@franchisestore.com.br ou (11) 3729-2093

Novo curso para quem quer trabalhar no mercado de franquias

Aprimorar o trabalho da consultoria de campo é uma das formas mais eficazes de melhorar o desempenho de uma rede de negócios.  Com uma consultoria bem estruturada e gerida e consultores capacitados para detectar problemas e propor soluções, a empresa consegue extrair o melhor resultado de cada uma de suas unidades.

Há quase dez anos, a Cherto Atco ministra um curso de Gestão de Consultoria de Campo. Como o próprio nome mostra, ele é voltado para gestores que querem estruturar ou melhorar a gestão da equipe de consultoria de campo.

Este ano, porém, a Cherto Atco traz uma novidade ao mercado. Foi criado agora um curso voltado para certificar e capacitar os consultores de campo – aqueles profissionais que, de fato, vão visitar as lojas no dia-a-dia, e não apenas os gestores.

“A principal função do consultor de campo é trabalhar para que o franqueado cumpra o propósito da empresa e da marca lá na ponta, no dia-a-dia da franquia”, afirma Américo José, sócio-diretor da Cherto Atco. “É uma função muito importante para o bom funcionamento da rede, por isso vimos a necessidade de criar um curso exclusivamente voltado para quem já é consultor ou deseja atuar na área.”

Segundo Américo, o curso é uma ótima oportunidade para quem quer trabalhar no mercado de franquias. “Há muita demanda por consultores qualificados nessa área e muitas vezes as franqueadoras não encontram esse tipo de profissional no mercado”, afirma Américo. Quem fizer o curso, será um consultor certificado pela Cherto Atco – a empresa que é referência em treinamentos no mercado de franquias há quase 30 anos.

Formação de consultores de campo (NOVO CURSO!)

Público-alvo: profissionais que já atuam (ou desejam atuar) como consultores de campo de redes de negócios

Objetivo: capacitar os participantes para que atuem como consultores de campo, nos aspectos operacionais e de gestão. Eles aprenderão a administrar melhor seu tempo, organizar de forma produtiva as visitas às unidades, analisar os indicadores de desempenho e os processos das lojas, identificar problemas e propor soluções, além de melhorar a comunicação e o relacionamento da rede com seus parceiros.

Os consultores serão certificados pela Cherto Atco!

Duração: 16h

Data: 24 e 25 de abril

Investimento: R$ 1.700,00

INSCRIÇÕES:

(11) 3549-9910

atendimento@cherto.com.br

Mestre-Cervejeiro.com inaugura sua primeira loja em Guarapuava (PR)

A Mestre-Cervejeiro.com, rede especializada em cervejas artesanais dos mais diversos rótulos, entre tradicionais tchecas, alemãs, belgas, inglesas, americanas e de micro cervejarias nacionais, acaba de inaugurar sua primeira loja em Guarapuava. É a terceira Mestre-Cervejeiro.com no Paraná e a sexta loja da rede.

Os mais novos franqueados, Edmar Luiz Ianesczko, 28 anos, e Bruno Abramoski, 29 anos, estão animados com o negócio e esperam que a loja seja referência na cidade e contribua para o Paraná que está se tornando polo brasileiro quando o assunto é a produção de cervejas artesanais.  “A cidade é fabricante de cevada e importadora de malte, mesmo assim, faltava uma loja especializada na região”, afirma Edmar.

Assim como as demais lojas da rede, a franquia de Guarapuava conta com a assessoria do sommelier de cervejas Daniel Wolff, fundador e diretor da Mestre-Cervejeiro.com, o que garante uma carta de cervejas elaborada de acordo com o perfil dos clientes locais, fato que foi decisivo na hora de escolher a Mestre-Cervejeiro.com para serem franqueados. “O nome do Daniel já é conhecido no ramo cervejeiro e seu conhecimento e forma de trabalhar foram determinantes para nossa escolha”, conta Ianesczko.

Com a abertura do novo ponto, que oferece aproximadamente 90 rótulos de cerveja (preço inicial de R$8,50), a rede, que nasceu em 2009 a partir de um website sobre a bebida (www.mestre-cervejeiro.com), passa a contar com seis unidades, sendo três no estado de São Paulo e três no Paraná.

A inauguração da mais nova loja da Mestre-Cervejeiro.com aconteceu sexta-feira (21), com degustação de alguns rótulos e, como afirma Ianesczko, “muita conversa, alegria e paixão” por cerveja.

Criado em 2004 pelo sommelier de cervejas Daniel Wolff, inicialmente como um site para divulgar a cultura cervejeira, o Mestre-Cervejeiro.com é, hoje, uma rede de franquias especializada em cervejas especiais, com seis lojas em operação, sendo 3 em São Paulo (Caraguatatuba, Piracicaba e Suzano) e três no Paraná (Curitiba, Ponta Grossa e Guarapuava).

:::Saiba mais sobre a franquia Mestre Cervejeiro.com:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

42 redes estrangeiras abriram franquias no Brasil em 2013

Segundo levantamento da Associação Brasileira de Franchising (ABF), 42 redes estrangeiras abriram sua primeira franquia no Brasil em 2013. Elas representam 15% do total de marcas que entraram no mercado brasileiro de Franchising naquele ano.

Algumas grifes internacionais já atuavam no Brasil há algum tempo, mas não com franquias – como é o caso de Adidas, Calvin Klein, Samsung e Tommy Hilfiger. Outras só desembarcaram por aqui no ano passado mesmo, como Desigual e GAP. A maior parte das redes estrangeiras está nos setores de Alimentação, Vestuário e Beleza.

 A crise econômica de 2008, que afetou importantes mercados como os Estados Unidos e alguns países da Europa, diminuiu o poder aquisitivo da população e consequentemente o consumo. Desde então, as empresas foram em busca de economias mais aquecidas – como era o caso do Brasil naquela época.

“O Brasil já perdeu um pouco da atratividade que teve no fim da década passada, pois hoje o crescimento econômico é mais moderado”, afirma Filomena Garcia, sócia-diretora da Franchise Store. “Mas temos um público consumidor relevante que ainda motiva os investidores a continuar trazendo suas marcas para cá.”

Esse processo de instalação de redes estrangeiras trouxe um beneficio para o franchising. “A grande concorrência com marcas internacionais fez com que as redes nacionais buscassem se aprimorar para competir”, diz Filomena. Outro efeito foi o aumento da demanda por pontos comerciais, principalmente em Shopping Centers.

Para os interessados em abrir uma franquia de uma marca internacional no Brasil, Filomena explica: “A vantagem de ser franqueado de uma marca estrangeira, é, além de a marca ser uma novidade na região, há a oportunidade de crescer junto com ela em um novo país.” Por outro lado, o ponto de atenção é saber se o franqueador conhece bem o mercado brasileiro e o perfil do consumidor nacional.

Confira a lista de 42 redes estrangeiras que abriram franquias em 2013:

Segmento

Marcas

Bebidas, Cafés, Doces e Salgados 

Abuelagoye

Acessórios Pessoais e Calçados 

ADIDAS

Alimentação 

Benihana

Vestuário

Calvin Klein

VESTUÁRIO

CARO CUORE

Beleza, Saúde e Produtos Naturais 

Centro Maximo Ravenna

Bebidas, Cafés, Doces e Salgados 

CHUNGO

vestuário

DESIGUAL

vestuário

ECKO

Alimentação 

ELNOBLE 

VESTUÁRIO

ETIQUETA NEGRA

Acessórios Pessoais e Calçados 

FENDI – Italia

Alimentação 

Flying Pan – BF retail group

vestuário

GAP

Bebidas, Cafés, Doces e Salgados 

GARRET

Bebidas, Cafés, Doces e Salgados 

HotDog on Stick

Beleza, Saúde e Produtos Naturais 

HYPOXI

Comunicação, Informática e Eletrônicos 

INXPRESS

Alimentação 

JHONNY ROCKETS

Vestuário

Kappa

Alimentação 

La Caballeriza

Bebidas, Cafés, Doces e Salgados 

LAVAZZA ITALIAN COFFEE

Construção e Imobiliárias 

LDC – LOJA DO CONDOMÍNIO 

vestuário

Lolita, o Lu By Loita ahi

VESTUÁRIO

Montagne

Acessórios Pessoais e Calçados 

MORPH

serviços 

Mri latin America – EUA

VESTUÁRIO

Paula Cahen D’Anvers

Alimentação 

Piola

VESTUÁRIO

Rapsodia

Alimentação 

Red lobster – Grupo Darden

Acessórios Pessoais e Calçados 

SAMSONITE

Comunicação, Informática e Eletrônicos 

SAMSUNG

Acessórios Pessoais e Calçados 

SWAROVSKI

Alimentação 

TACOTENTO

Alimentação 

THE CRÊPE CAFÉ

Bebidas, Cafés, Doces e Salgados 

The Haagen-Dazs Shoppe Co.

vestuário

TOMMY HILGHIFER

Alimentação 

TONYROMA’S

Alimentação 

VAPIANO

Acessórios Pessoais e Calçados 

ZENIT

Serviços Automotivos 

Ziebart

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Lupalupa abre mais uma loja em Recife

A rede Lupalupa, especializada em óculos e relógios, acaba de inaugurar seu segundo ponto de venda na capital pernambucana. Localizado no Shopping Recifeo quiosque é a 52ª operação da marca, presente hoje em dez estados: Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Espirito Santo, Ceará, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Piauí, Rondônia e Goiás. A franquia do shopping Recife pertence ao empreendedor CássioOliveira, que já possui um quiosque da marca no Shopping Rio Mar, aberto em novembro do ano passado.

 A expansão no Nordeste é um dos focos da rede para este ano. Segundo José Cavalieri Bazílio, diretor comercial e de expansão, a meta é abrir 20 franquias no Norte/Nordeste até o final de 2014. “A Lupalupa é uma marca solar, que oferece óculos e proteção para o ano inteiro. E o Nordeste, com sua vocação natural para o turismo, seu clima quente e belíssimo litoral, consome esse tipo de produto de janeiro a janeiro”, explica.

 :::Saiba mais sobre a franquia Lupalupa:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

CEBRAC inaugura escolas em São Paulo, Bahia e Ceará

O Centro Brasileiro de Cursos (CEBRAC) chega a mais três praças: no bairro do Tucuruvi, na zona norte de São Paulo, em Luiz Eduardo Magalhães (BA) e Maracanaú (CE). Com as aberturas, o CEBRAC soma 146 escolas distribuídas por todo o Brasil. As unidades terão capacidade para atender cerca de mil alunos cada uma.

 Essas aberturas fazem parte do plano de expansão da rede, que vai abrir outras sete escolas até junho nas cidades de Mogi das Cruzes (SP); Guarulhos (SP); Presidente Prudente (SP); Franca (SP); Dourados (MS); Campo Mourão (PR) e Itajaí (SC).

 Entre os sete eixos educacionais trabalhados pelo CEBRAC, o carro-chefe da rede é o curso Assistente Administrativo completo que, como diferencial, aposta em matérias que trabalham o empreendedorismo, oferecendo aos estudantes conteúdos sobre como abrir uma empresa, pesquisar mercado, quais são os desafios e depois sobre como administrá-la.

 Por conta da demanda de pais preocupados com o futuro profissional dos filhos, o CEBRAC desenvolveu o conteúdo pedagógico visando estudantes a partir dos 11 anos, conforme o curso. Para poder acompanhar as aulas, o aluno deve estar cursando ou já ter concluído a segunda etapa do ensino fundamental.

 Aos interessados em investir em uma franquia CEBRAC, o aporte total parte de R$ 165 mil e o prazo de retorno varia entre 14 e 20 meses. Aproximadamente 18% das unidades faturam mais de R$ 2,4 milhões por ano e mais de 47% das escolas faturam mais de R$ 1 milhão por ano. O CEBRAC conta com 97,5% de satisfação na aquisição da franquia.

 :::Saiba mais sobre a franquia CEBRAC:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Bibi Calçados lança coleção assinada por Ronaldo Fraga

Trabalhar com o segmento infantil requer carinho, atenção e uma linguagem adequada. Este ano a Calçados Bibi, que foi a primeira da indústria nacional de calçados infantis, lança uma coleção assinada em parceria com o estilista mineiro Ronaldo Fraga para comemorar os 65 anos da marca no Brasil. A empresa, que tem brasilidade à flor da pele e o cuidado com os pés da criança como sua missão de mercado, se inspira em tradições que são essencialmente nossas, como folclore, festas populares e história de antes mesmo da chegada dos portugueses, trazendo um mix de conteúdo, estilo e conforto para o público mirim.

O Outono/Inverno 2014 da Bibi celebra os 65 anos da marca prestando uma homenagem aos principais símbolos da cultura brasileira. Uma manhã de Carnaval, com direito a personagens como a Colombina, o Pierrô e o Arlequin; um tour por reservas e parques ecológicos, conhecendo um pouco mais sobre pinturas rupestres e sobre os dinossauros brasileiros; o clima gostoso das festas juninas – a segunda maior festividade do país; os personagens do nosso folclore, como o Saci Pererê e a Iara e animais que são exclusivamente nossos e, infelizmente, estão ameaçados, como a onça pintada e o tamanduá-mirim.

Ronaldo Fraga, conhecido nacionalmente por valorizar a brasilidade e os muitos regionalismos em suas criações, promove um diálogo de todas essas referências e ainda apresenta isso de forma acessível e educativa para a criançada. Não é de hoje que o mineiro exalta a produção local em seus trabalhos. Para a coleção comemorativa de aniversário da Bibi, Fraga soube conciliar esse orgulho nacional com o universo infantil, transportando tudo isso para lindos e exclusivos calçados.

Sapatilhas e sneakers com estampas exclusivas vão encher os olhos da criançada, que vão conseguir aliar conforto e conhecimento. Os calçados são em couro, oferecendo aos pequenos mais conforto, flexibilidade e durabilidade, e contam com a tecnologia Fisioflex Bibi, que faz parte do conceito fisiológico desenvolvida pela marca, cujo diferencial é proporcionar à criança a sensação de andar descalço.

:::Saiba mais sobre a franquia Bibi Calçados:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Ortodontic Center prevê abertura de 70 novas unidades em 2014

Apostando em um plano de expansão que visa a implantação de 70 novas clínicas no ano de 2014, a rede de franquia odontológica Ortodontic Center inaugura novas clínicas em três estados brasileiros. O Pará irá receber a primeira unidade da marca na cidade de Santarém. Já o estado do Paraná passa a contar com a 35ª unidade da rede em Francisco Beltrão e São Paulo contará com a nona clínica no interior, na cidade de São José do Rio Preto.

Em Santarém, no Pará, e em São José do Rio Preto, em São Paulo, a Ortodontic Center irá inaugurar duas novas clínicas no padrão Full, voltado para cidades que possuem mais de 90 mil habitantes. Seguindo os conceitos de padronização, a unidade disponibilizará tratamentos na área da saúde bucal, prestados por profissionais altamente especializados nas respectivas áreas de atuação.

Já o município de Francisco Beltrão, no Paraná, conta com uma nova franquia da marca no padrão Presence, voltado para cidades com até 90 mil habitantes. Neste caso, a abertura será realizada por meio de conversão de clínica particular. Ou seja, os dentistas autônomos se tornam franqueados e passam a ter, além da visibilidade da marca, todo o suporte de gestão e de marketing da rede.

Em ambos os modelos de negócios são realizados treinamentos específicos para cada função, visando prestar um atendimento de qualidade a todos os clientes. “Nosso foco principal é oferecer serviços para saúde bucal com qualidade e custo acessível. Hoje, a rede é composta por 88 unidades em 12 estados mais o Distrito Federal, e a projeção é chegar as 280 clínicas até 2018”, revela o sócio-fundador, Fernando Massi.

A Ortodontic Center foi fundada em 2002 por quatro colegas formados em odontologia pela Universidade Estadual de Londrina (Fernando Massi, Ana Lucia Massi, Claudia Consalter e Edmilson Antônio) após decidirem se unir e criar uma clínica norteada totalmente por conceitos empresariais: a Ortodontic Center. A marca é uma rede de clínicas odontológicas que opera por meio do sistema de franquias, com unidades próprias e aportes de investidores. O foco principal é o empreendedorismo e a gestão, ou seja, tornar a odontologia uma atividade de alto retorno financeiro aliando excelência técnica, qualidade material, estrutura interna e o bom relacionamento com os clientes. Atualmente a rede possui 86 unidades espalhadas em 12 estados, mais o Distrito Federal.

:::Saiba mais sobre a franquia Ortodontic:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Limpeza com Zelo é nova opção de microfranquia

A rede de franquia Limpeza com Zelo, que agora está em expansão, nasceu da ideia de investidores que já possuíam experiência no mercado de limpeza voltada à área comercial. Esse tipo de serviço já é bem consolidado nos Estados Unidos e Europa e já está dando alguns passos para que o mesmo ocorra por aqui. A marca oferece o serviço por um preço atrativo de uma diarista, a partir de R$ 100 reais. No valor já está incluso duas funcionárias para cada atendimento que tem duração de duas horas, fora isso a empresa assume o custo de qualquer objeto quebrado ou danificado.

O projeto leva para o mercado doméstico toda a tecnologia utilizada em grandes empreendimentos com processos de limpezas sustentáveis. Os profissionais fazem a desinfecção completa eliminando ácaros e todos os tipos de fungos e bactérias, o mais importante nesta época de racionamento, sem utilizar água.

O investimento em uma unidade da marca custa cerca de 60 mil reais (incluso a taxa de franquia), e pode montar seu negócio em sua própria casa. O faturamento médio mensal é estimado em R$ 50 mil. Além disso, o franqueado conta com treinamento que envolve todas as áreas do negócio, consultoria constante, além de outros suportes disponíveis para os franqueados.

A Zelo Serviços é uma tradicional empresa de limpeza comercial brasileira, comandada pelo empresário Renato Ticoulat Neto, ex-diretor da Associação Brasileira do Mercado de Limpeza Profissional (ABRALIMP), da Associação Brasileira de Franchising (ABF), da Associação Brasileira de Facility (ABRAFAC) e professor de Limpeza Sustentável da Universidade Secovi, lançou o sistema de franquia chamado Limpeza com Zelo. 

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Koni inaugura sua primeira loja no bairro carioca de Laranjeiras

A rede de comida japonesa Koni inaugurou, em fevereiro, sua primeira loja em Laranjeiras, no Rio de Janeiro. A unidade segue o modelo express, no qual o cliente faz o pedido diretamente no caixa, acompanha e aguarda o preparo do prato.“Há muito tempo queríamos abrir uma unidade na área e faz parte da nossa estratégia inaugurarmos ‘lojas de bairros’”, afirma Vanessa Huguinin, gerente de marketing da rede.

Atualmente, o Koni tem 70 unidades em operação em dez estados do país. A projeção para 2014 é finalizar o ano com 110 lojas. O foco será , principalmente, as regiões São Paulo, Rio de Janeiro e todo o Centro-Oeste. 

:::Saiba mais sobre a franquia Koni:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Minds Idiomas chega a 21 unidades no Nordeste

A rede de franquias Minds Idiomas acaba de inaugurar três escolas no Nordeste, localizadas em Maceió (AL), Salvador (BA) e João Pessoa (PB), alcançando a marca de  21 unidades no Nordeste e 71 escolas em todo o Brasil. A franquia de idiomas irá investir em um plano de expansão que visa a implantação de mais 50 unidades, tendo como  plano chegar a 131 lojas em cinco anos.

Com uma proposta de aprendizagem rápida e dinâmica, a Minds Idiomas foca a expansão nos estados nordestinos que se posicionam como um mercado promissor para o setor. “Nosso intuito é crescer na região, por isso pretendemos ganhar mais espaço e nos consolidar no mercado nordestino, oferecendo cursos completos de inglês em um curto período de 18 meses. Atualmente, temos 18 unidades nessas cidades com planos de abertura de mais 10 escolas nesta mesma região até 2019”, afirma Leiza Oliveira, fundadora da marca.

A Minds atinge todos os tipos de público, entre jovens e adultos, das classes A e B. “Nosso conceito de metodologia é novo em escolas de idiomas”, explica Leiza. A marca é pioneira na adesão de material didático digital que permite o uso de tablets, trabalha em todas suas unidades com lousa eletrônica, oferece aulas dinâmicas e interativas – diferenciais que tornam a marca um ótimo investimento, além do valor para abrir uma unidade: R$ 250 mil reais com faturamento médio de R$ 80 mil reais.

O objetivo da escola de idiomas é oferecer aos alunos oportunidades inovadoras para não desistirem do aprendizado de outra língua. “Entramos no mercado para disponibilizar cursos rápidos, com valores competitivos e com a flexibilidade do aluno poder escolher os melhores dias e horários para participar das aulas”, lembra a empresária.

A rede busca tanto franqueados dispostos a trabalhar no dia a dia quanto investidores, pois oferece treinamentos, consultoria, sistema de gestão, campanhas de mídia, competições internas de melhor equipe, descontos para destaques anuais de melhor franqueado e uma central com atendimento diário para qualquer problema com apoio jurídico e contábil, entre outras assistências capazes de garantir o bom gerenciamento da escola. O franqueado investirá de R$ 200 mil a R$ 250 mil, com lucratividade de 25 a 35%.

:::Saiba mais sobre a franquia Minds Idiomas:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

QG Jeitinho Caseiro quer abrir mais 10 lojas em 2014

Um levantamento feito pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) mostrou que o setor de alimentação  cresceu 16,6% em 2013. Dos gasto com alimentação das famílias no ano passado, mais de 30% foram feitos fora do lar. Como consequência, o food service cresceu 9,8%, de acordo com o Anuário Brasileiro da Alimentação Fora do Lar.

Em Goiás, o QG Jeitinho Caseiro é exemplo de empresa que contribui para a evolução do franchising no setor de alimentação. Em 2013, a rede de restaurantes inaugurou quatro novas unidades, com crescimento no faturamento de 28% em relação a 2012.

A expansão resultou no crescimento de 180 novos postos de trabalho e o aumento de 40 mil clientes atendidos por mês. Com o maior número de lojas, a rede passou a contar com 680 colaboradores e fluxo mensal de 220 mil clientes. Entre os produtos mais consumidos em 2013, cerca de 40% foram os grelhados seguidos dos pastéis com 25% e os sanduíches representaram 11% das vendas.

Os investimentos do QG Jeitinho Caseiro na expansão do sistema de franchising é reflexo do crescimento econômico da região Centro-Oeste para a abertura de novas marcas franqueadas. Nos últimos anos, as empresas passaram a investir mais no interior e fora do eixo Rio-São Paulo. O Centro-Oeste responde atualmente por 8% da concentração de franquias no país.

Para 2014, a projeção é que mais 10 lojas sejam abertas, registrando crescimento em relação a 2013 de 91% em número de franquias: totalizando 33 lojas em operação até dezembro. As inaugurações devem gerar mais 250 novos postos de trabalho. A QG Jeitinho Caseiro foi eleita a 3ª melhor franquia de alimentação do país em 2013, após pesquisa realizada pelo Serasa Experian, que integra o anuário da revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios.

:::Saiba mais sobre a franquia QG Jeitinho Caseiro:::

:::Leia mais notícias sobre franquias:::

:::Encontre sua franquia:::

:::Veja vídeos sobre franchising:::

Mercado de franquias cresceu 11,9% e faturou R$ 115 bilhões em 2013

Segundo dados divulgados hoje (11/03) pela Associação Brasileira de Franchising, o faturamento total do setor atingiu R$ 115 bilhões no ano de 2013, o que representa um crescimento de 11,9% em relação ao ano de 2012. Mais uma vez, o franchising brasileiro obtém um desempenho positivo, diversas vezes superior ao PIB nacional, que neste período cresceu 2,3%, segundo dados divulgados recentemente pelo IBGE.

 

Crescimento Franquia x Crescimento PIB

Redes de Franquia em operação no Brasil 
De acordo com o levantamento, o número de redes em operação no País é de 2.703, um aumento de 11,4% em relação ao ano de 2012. Só em 2013, 277 novas franquias surgiram no mercado. 

O franchising brasileiro ocupa a terceira colocação no ranking do World Franchise Council, em número de marcas, atrás apenas da China e Coréia do Sul.     “Em 2013 superamos pela primeira vez os Estados Unidos em número de marcas”, afirma Ricardo Camargo, diretor executivo da ABF, ao explicar que os Estados Unidos estão em quarto lugar no ranking, seguido de Turquia, que ocupa a quinta colocação. 

Das marcas em operação no Brasil, 92,4% são genuinamente brasileiras, sendo que, deste total 4,8% (121 marcas) operam também no exterior. No ano passado, várias franquias brasileiras iniciaram operação fora do país, como a  Container Concept, Fabrizio Giannone e a Yogoberry. Já as marcas Vivenda do Camarão e Dumond ampliaram significativamente a atuação internacional.

Também ingressaram no Brasil 42 marcas estrangeiras. Entre elas, Coldwell Banker (Imobiliária), Hypoxi (Beleza) e 7Camicie (Vestuário).

Número de unidades franqueadas 
Em relação ao número de unidades ou pontos de vendas, o setor atingiu a marca de 114.409, em 2013, que representa um crescimento de 9,4%.  De acordo com o World Franchise Council, com esse número, o Brasil ocupa a 6a posição no ranking por unidades franqueadas, atrás dos EUA (1o), China (2o), Coréia do Sul (3o), Japão (4o) e Filipinas (5o). “Ao comparar o número de unidades do Brasil com os demais países listados nesse ranking, fica evidente o potencial de crescimento que ainda temos em nosso país”, afirma Ricardo Camargo, diretor executivo da ABF.

De acordo com a ABF, ainda há uma grande concentração de unidades na região Sudeste (58,7%) porém, nos últimos anos, as redes têm investido mais no interior  e fora do eixo Rio-São Paulo. A expansão das redes por todo o país mostra uma crescente participação das demais regiões: Sul (14,5%)Nordeste (14,5%)Centro Oeste (8%) e Norte (4,3%).

O mesmo movimento acontece com os centros de compra. Segundo dados da ABRASCE – Associação Brasileira de Shopping Centers, a região Norte já tem 21 shopping centers em operação e a previsão é de inaugurar mais 5 em 2014, em cidades como Castanhal e Paragominas, no Pará.  Na região Nordeste estão em operação 68 shopping centers e a previsão para este ano é inaugurar outros 7, em cidades como Parnaíba, Açailândia, Juazeiro do Norte e Teixeira de Freitas.

 “A ABF por meio de parceria com a administração pública, com o Sebrae e também com os Shopping Centers tem divulgado o potencial de negócios dessas regiões e incentivado as redes a aproveitarem essas oportunidades”, afirma Camargo, ao explicar que o franchising é responsável hoje por levar marcas e serviços para o interior do Brasil, com forte abrangência e capilaridade.

O estudo da ABF apontou ainda que o franchising está presente em todos os municípios brasileiros com mais de 40 mil habitantes.

Setor de Franquias ultrapassa 1 milhão de empregos gerados 
De acordo com o Ministério do Trabalho, o Brasil gerou 1.117.171 empregos em 2013. A maioria desses empregos foram gerados nas áreas de Serviço e Comércio, mercados onde atuam a maioria das franquias.

O franchising contribuiu com a criação de mais de 88 mil novos postos de trabalho, totalizando 1.029.681 empregos diretos e formais, um crescimento de 9,4%, em relação ao ano de 2012. Além de gerar postos de trabalho, o franchising é responsável por grande parcela do primeiro emprego. As redes dão oportunidade, principalmente, aos jovens e investem pesado em programas de treinamento e capacitação profissional. “A natureza do franchising é a transmissão de know how e tecnologia e, portanto, o treinamento é um dos pilares desse modelo de negócios”, explica o diretor executivo da ABF. 

“O franchising é um setor da economia que cresce sólida e constantemente. Nos orgulhamos em contribuir com a geração de mais de um milhão de empregos diretos e, mais importante, formais. Primamos pela excelência na prestação dos serviços, bem como nos produtos que entregamos à sociedade”, destaca Cristina Franco, presidente da ABF.

Franchising e seus Segmentos 
O segmento que apresentou melhor resultado em ampliação de faturamento foi Esporte, Saúde, Beleza e Lazer, com23,9%. Esse aumento é reflexo, principalmente, de um acentuado crescimento no consumo de produtos ligados à beleza e cosméticos. O Brasil, em 2013, alcançou o2° lugar no ranking mundial deHigiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos, de acordo com a ABIHPEC. 

O estudo também revelou que 73 novas marcas ingressaram neste segmento. Dentre as novas redes, vale destacar as seguintes marcas: Essencial Care, Nagis e Body Concept. As cinco marcas de maior faturamento em Esporte, Saúde, Beleza e Lazer são O Boticário, Ri Happy/ PbKids, Farmais, Ótica Diniz e IGUI Piscinas. 

Em seguida, vem o segmento de Hotelaria e Turismo, com crescimento de 21,9%. Segundo dados da Embratur, no ano passado, o Brasil recebeu cerca de 6 milhões de turistas estrangeiros. O faturamento cresceu principalmente por conta dos grandes eventos que o Brasil recebeu em 2013, como a Copa das Confederações, a Jornada Mundial da Juventude, o Rock In Rio e Fórmula 1, sem deixar de considerar o turismo interno.

Na esteira deste crescimento algumas redes se destacaram, entre elas Flytour, TAM Viagens, Accor Hospitality, CI – Central de Intercâmbio e Marsans.

O crescimento de 17,1% do segmento de Acessórios Pessoais e Calçados reflete a expansão das marcas que lideram esse ranking como Arezzo, World Tennis, Chilli Beans, Carmen Steffens e Havaianas. Também destaca-se o ingresso no sistema de franquias da Primicia, mais um exemplo de indústria migrando para o varejo.  

Esse segmento é fortemente impactado pelo avanço das mulheres no mercado de trabalho. De acordo com a OIT- Organização Internacional do Trabalho, as mulheres já compõem 49,3% da força de trabalho no Brasil. Além do aumento do poder de compra feminino, para sair ao trabalho a mulher brasileira investe cada vez mais em sua aparência.  

O segmento de Alimentação, um dos mais expressivos e consolidados do universo das franquias, cresceu 16,6% e vem apresentando taxas de crescimento acentuado todos os anos. A estabilidade econômica nacional proporcionou um aumento considerável do food service, ou seja, no mercado da alimentação fora do lar.  Em 2013, do gasto com alimentação das famílias, mais de 30% foram feitos fora do lar. Como consequência, o food service cresceu 9,8%, de acordo com o Anuário Brasileiro da Alimentação Fora do Lar. 

As maiores redes de franquias de Alimentação são McDonald’s, Habib’s, Subway, Bob’s e Cacau Show. 
O segmento de Educação e Treinamento (16,6%) foi beneficiado pelo aumento da procura pelo ensino de idiomas e também pelos cursos profissionalizantes. As maiores redes que puxaram o faturamento do setor foram Wizard Idiomas, CNA, FISK, CCAA e Yázigi. 

A expectativa é que o gasto com educação particular no Brasil cresça ainda mais. Segundo estudo do Data Popular,  em 2014, as famílias gastarão cerca de R$ 72 bilhões com educação. Nos últimos 10 anos, o investimento em educação das famílias brasileiras mais que dobrou.

Esses números chamam a atenção do mercado e o setor tem atraído investimentos. O Grupo Multi, por exemplo, dono das marcas de idiomas e de cursos profissionalizantes We Speak, Wizard, Yázigi, Skill, Alps, Quatrum, Microlins, S.O.S., Bit Company, People e Smartz School foi adquirido pelo conglomerado inglês Pearson. A Pearson, que é dona da editora Penguin Books e do jornal  Financial Times, controla também no Brasil o sistema COC de ensino.

Impulsionado principalmente pela forte demanda por smartphones e tablets, o segmento de Comunicação, Informática e Eletrônicos(*), viu seu faturamento crescer 15,1%. Segundo dados da ANATEL, o Brasil terminou 2013 com mais de 271 milhões de linhas ativas na telefonia móvel. Neste mesmo ano, a venda de smartphones cresceu 122% e a detablets  subiu 142%. Estes números estimularam a criação de negócios especializados, sobretudo da prestação de serviços e oferta de produtos acessórios.

Na área de informática também não foi diferente. Nesse segmento, um dos destaques é a TOTVS, empresa nacional líder na comercialização de sistemas de gestão para as pequenas e médias empresas, que atua no sistema de franquias. As maiores desse segmento são TOTVS, Nexar, Casa do Notebook, Ligue Site e NetCallCenter. 

O segmento de Casa e Construção (**) cresceu 13,4%. Trata-se de um mercado promissor que acompanha de perto o movimento do mercado imobiliário, seja pela decoração, mobiliário e ambientação da casa nova ou mesmo uma reforma para tornar o lar mais aconchegante. Segundo o instituto Data Popular cerca de R$ 146 bilhões foram gastos em 2013 com reformas de imóveis e a tendência ainda é de alta. 

O desempenho deste segmento também foi alcançado pela atuação de empresas do ramo imobiliário e de prestação de serviços e tem atraído cada vez mais a indústria, a exemplo da Americanflex, que iniciou a abertura de lojas exclusivas sob o modelo de franquia. Entre os destaques deste segmento estão as redes Colchões Ortobom, Dicico, PortoBello Shop, Multicoisas e MMartan. 

O crescimento de 12,1% do segmento de Vestuário foi alavancado sobretudo pelo aumento de unidades e chegada de novas marcas. Entre elas, o destaque é para a malharia Malwee, que estreou duas marcas, a Malwee Um Abraço Brasileiro e a Malwee para brasileirinhos. A empresa também protagonizou um grande negócio no final do ano com a compra de parte da rede Puket, de moda íntima.

Ingressaram no mercado também a Le Coq Sportif e Academia Store. As maiores empresas do ranking são  Hering Store, MOfficer, Mercato, Colcci e Lilica & Tigor.

Já o segmento de Veículos registrou um bom desempenho, atingindo um crescimento de 11,5% em 2013. Apesar do comportamento da venda de automóveis não ter sido tão acentuado quanto nos anos anteriores, ainda assim o setor automobilístico traz consigo uma gama variada e consistente de venda de serviços e produtos ligados ao setor, como locação, limpeza automotiva, peças de reposição e inspeção veicular. 

O frota de automóveis do Brasil cresceu 85% nos últimos 10 anos, de acordo com o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). Em 2013, mais de 43 mil carros foram licenciados, o que gera grande demanda para os serviços de manutenção e correlatos. Como exemplo de redes que aproveitaram esse bom momento do setor estão Localiza, Heliar, JetOil, Rede Brasil de Aluguel de Veículos e Multipark. 

O segmento de Limpeza e Conservação registrou um crescimento de 1,6% em 2013, depois de registrar mais de 44% em 2012. A carência por empregados domésticos, a PEC das Domésticas e o aumento do consumo de serviços ligados ao lar fizeram esse segmento explodir em 2012. Agora, o mercado encontra-se em fase de consolidação. As empresas que puxaram o crescimento foram 5àsec, JaniKing, Dryclean USA, Limpidus e JAN-PRO.
O setor de Negócios, Serviços e Outros Varejos(***) foi o que apresentou o menor desempenho, com uma retração da ordem de – 4,6%.

Este segmento apresenta marcas em pleno crescimento, porém o levantamento desse ano apurou que algumas empresas deixaram de atuar como franquia, o que gerou um número negativo. As empresas que mais se destacaram em 2013 foram DIA%, AMPM, Fitta Câmbio, BRMania e Federal Invest.

Microfranquias 
As microfranquias, redes de franquias que exigem investimento inicial de até R$ 80 mil e abrangem os diversos segmentos apresentados acima, registraram crescimento em número de unidades (29%) e em faturamento (31%) em 2013. 

São responsáveis por 5,11% (em 2012 era 4,4%) da receita total do setor de franchising e atingiu R$ 5,9 bilhões no ano passado. São 384 marcas em operação, o que representa um avanço de 4%. Já em número de unidades, o número alcançou 17.197 pontos de venda.

Projeções
Para 2014, a expectativa também é de crescimento acentuado. A entidade estima que o faturamento do setor cresça 10%, repetindo mais uma vez o crescimento de dois dígitos, muito acima da Economia nacional. A projeção está baseada em fatores como expectativa de crescimento da economia, nível de emprego e renda, aberturas de novos shoppings, entre outros.

O setor continuará criando grandes oportunidades de emprego. Com a expectativa de aumentar em 9% o número de unidades, as contratações aumentam na mesma proporção. O aumento de novas marcas foi estimado em 8%. 

Observações:
(*): A partir deste ano o segmento Informática e Eletrônicos passou a ser chamado de “Comunicação, Informática e Eletrônicos“    
(**): A partir deste ano o segmento Móveis, Decoração e Presentes passou a ser chamado de “Casa e Construção”.
(***): A partir deste ano o segmento Fotos, Gráficas e Sinalização foi incorporado ao segmento “Negócios, Serviços e Outros Varejos”.

Rede de culinária mexicana Natortilha cresce com franquias

A franquia Natortilha, rede de restaurantes especializadas em comida mexicana (tortilhas e nachos) e criadora do conceito MexBra, tem planos ambiciosos e pretende inaugurar 200 unidades em cinco anos em todo o Brasil. A marca, hoje com 10 lojas, está focada em São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Paraná.

São diversas as razões pela qual Ricardo de Leon, sócio fundador da Natortilha, tem essa visão otimista do negócio. A começar pelo fato de o restaurante oferecer um produto diferenciado com pratos leves e saudáveis. O valor para abrir uma unidade em shopping Center é de R$ 300 mil com previsão de 15 a 22% de lucratividade e faturamento médio de R$ 60 mil.

Apaixonado pelo Brasil, Leon chegou ao País aos 25 anos com o sonho de ter um negócio próprio que iniciou com a ideia de comercializar pimentas. Ao longo do tempo percebeu que o brasileiro tem uma relação particular com a especiaria.

Natortilha é 100% brasileira e foi criada com base na tendência mundial da co-criação em que o cliente sempre faz parte do processo. Assim, eles podem escolher os ingredientes que querem colocar na tortilha – inclusive, é por meio dessa relação que nome da empresa é definido. “São diversas opções para satisfazer todos os apetites. Faz toda a diferença escolher se o prato será vegetariano; qual molho terá; se será servida com pimenta; com ou sem salada”, reforça.