Franquias de Roupas & Moda

  • Franquia Ana Hickmann
    R$ 
    535 Mil
  • Moda Infantil
    Franquia Alphabeto
    R$ 
    290 mil
  • Moda
    Franquia Hadelasso
    R$ 
    230 mil

Representatividade das franquias de roupas e moda

6,9%

Foi quanto cresceu o faturamento das franquias de vestuário em 2015, em relação a 2014. Houve um salto em comparação ao último levantamento, que registrou um crescimento de 3% no faturamento do segmento.

9.481

É o número total de unidades do segmento de vestuário em 2015. O crescimento em comparação ao ano anterior foi de 8%.

9%

É a participação do segmento de marcas internacionais no Brasil.

Perspectivas

Mais de R$ 360 bilhões

Vestuário e calçados foram os produtos mais vendidos pela internet em 2014 e geraram mais de US$ 360 bilhões em todo o mundo. Os dados são da Euromonitor. Há espaço para as franqueadoras investirem também na venda online

R$ 127 bilhões

É a perspectiva de que seja o faturamento do setor têxtil e de confecção brasileiro, o que significa um aumento de 4,9% em relação a 2015. Os dados são Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit).

Tendências

Internacionalização

A desvalorização do real e a recuperação de mercados como dos Estados Unidos intensificaram o movimento de internacionalização de franquias brasileiras. Liz e Lilica & Tigor são exemplos de franquias levaram suas marcas para o exterior.

Varejo ganha força

As franquias são vistas hoje pelas grandes indústrias como o canal de vendas que mais ajuda a marca a se aproximar dos consumidores. Por isso, ainda que os investimentos em vendas online tenham crescido, o varejo físico continua sendo visto pelas empresas como um canal importante e com grande potencial de expansão. Quem quer comprar uma franquia no ramo terá mais opções de marcas e praças para escolher

Cuidados ao investir

  • Como muitas vezes a compra de roupas é por impulso, a localização do ponto é fundamental para o bom desempenho da loja. Faça uma seleção criteriosa e peça ajuda do franqueador, que deve orientar o franqueado nesta escolha.
  • Nesse ramo, ter uma boa gestão do estoque costuma fazer a diferença entre o fracasso e o sucesso de uma loja. Portanto, antes de escolher a sua franquia, veja que tipo de apoio o franqueador oferece na hora de comprar os produtos da nova coleção, se há softwares que ajudam na escolha e como é feito o acompanhamento do estoque no dia-a-dia.
  • Não basta se encantar com o negócio. Antes de comprar uma franquia só porque se apaixonou pela marca, convém analisar os números do negócio e o histórico do franqueador para saber se o investimento realmente compensa.

Inscreva-se para receber informações sobre franquias deste segmento e se manter atualizado sobre as novidades do mercado